12 C
Kóka
sexta-feira, 2024/03/01  6:03
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Número de trabalhadores estrangeiros no Japão atinge recorde de mais de 2 milhões

Levantamento revela aumento de mais de 220.000 estrangeiros empregados no país em comparação ao ano anterior.

Tóquio, Japão – 27 de janeiro de 2024 – O número de trabalhadores estrangeiros no Japão ultrapassou a marca de 2 milhões pela primeira vez na história, no ano passado.

O Ministério do Trabalho divulgou na sexta-feira (26), o resultado mais recente de sua pesquisa anual sobre o emprego de trabalhadores estrangeiros.

Segundo o ministério, até o final de outubro do ano passado, o número de trabalhadores estrangeiros no país era de 2.048.675 – um aumento de mais de 220.000, ou 12,4%, em relação ao ano anterior. O número marcou um recorde pelo 11º ano consecutivo.

Por nacionalidade, os trabalhadores vietnamitas lideraram a lista com 518.364, representando mais de um quarto do total, seguidos pelos chineses, com 397.918, e pelos filipinos, com 226.846.

O número de trabalhadores indonésios teve o maior crescimento ano a ano, com 56%, seguido pelos de Myanmar, com 49,9%, e Nepal, com 23,2%.

Por status de residência, 615.934 trabalhadores eram japoneses étnicos ou cônjuges de japoneses, representando o maior grupo. Havia 595.904 profissionais qualificados, como engenheiros e pesquisadores, e 412.501 estagiários técnicos.

A maioria dos trabalhadores estrangeiros, ou 552.399, estava empregada no setor de manufatura, 320.755 no setor de serviços e 263.555 nos setores de atacado e varejo.

Os funcionários do ministério do trabalho afirmam que o crescimento no número de trabalhadores estrangeiros é alto em setores aparentemente afetados pela escassez de mão de obra, incluindo construção e saúde. Eles também afirmam que a taxa geral de crescimento está se recuperando para níveis pré-pandêmicos.