28 C
Kóka
sábado, 2024/07/20  8:46
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Singapura corre para limpar derramamento de óleo perto de resort

Derramamento de óleo atinge praias populares, incluindo a ilha de Sentosa.

Singapura, 18 de junho de 2024 (Agência de Notícias NHK) – Singapura está correndo para limpar o óleo que chegou às suas praias, incluindo a popular ilha resort de Sentosa e uma reserva natural. O derramamento foi causado por uma colisão entre um draga e um petroleiro estacionário na semana passada.

A Autoridade Marítima e Portuária de Singapura informou que um draga com bandeira dos Países Baixos colidiu com um petroleiro com bandeira de Singapura no porto sul de Pasir Panjang na sexta-feira (14). As autoridades responderam imediatamente para conter o óleo derramado, mas as marés levaram parte dele para a costa.

Algumas praias populares foram fechadas para a limpeza. As praias de Sentosa permanecem abertas, mas atividades no mar e natação estão proibidas. O cheiro de óleo foi notado por moradores e visitantes, com relatos de que a água ainda estava escura e oleosa dias após o incidente.

Cerca de 1.500 voluntários se juntaram aos esforços de limpeza, mas a maior parte do trabalho está sendo realizada por trabalhadores contratados. As autoridades implantaram cerca de 1,5 km de barreiras absorventes de óleo perto das praias e em vias navegáveis públicas em East Coast Park, West Coast Park e Labrador Nature Reserve. Produtos químicos dispersantes estão sendo usados para “quebrar o óleo na superfície em gotas para melhorar a biodegradação”

Há preocupações com a vida selvagem, com relatos de caramujos marinhos e outras criaturas cobertas de óleo. No entanto, pesquisas preliminares de biodiversidade não mostraram danos significativos. Dr. Karenne Tun, do Conselho de Parques Nacionais, informou que “não foi observado impacto significativo na biodiversidade marinha, embora o óleo tenha sido observado nas raízes de algumas plantas de mangue na área”.

Barreiras adicionais serão instaladas em locais selecionados para facilitar a limpeza do óleo acumulado. O sistema Current Buster, um dispositivo especializado de contenção e recuperação de óleo flutuante, será usado como medida preventiva. A qualidade do ar nas áreas afetadas está dentro dos “níveis seguros” até agora, de acordo com a Agência Nacional do Meio Ambiente.

As autoridades continuam a investigar a causa da colisão, ouvindo os tripulantes de ambos os navios.

Radio Shiga
Siga-nos
Últimos posts por Radio Shiga (exibir todos)