5.7 C
Kóka
quinta-feira, 2024/04/25  8:30
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

JR Central cancela plano de iniciar serviço de trem maglev em 2027

Objeções de autoridades locais ao longo da rota planejada impedem início das obras de construção.

Tóquio, Japão, 30 de março de 2024 (NHK) – A Central Japan Railway (JR Central) informou ao governo que não conseguirá atender à meta de iniciar o serviço de trem de levitação magnética do país até 2027.

A empresa alega que objeções de autoridades locais ao longo da rota planejada impediram o início das obras de construção.

O trem Maglev, capaz de atingir velocidades máximas de 500 quilômetros por hora, está programado para operar entre a Estação Shinagawa, em Tóquio, e a Estação de Nagoya, na Província de Aichi.

A JR Central comunicou ao Ministério dos Transportes na sexta-feira que a construção da linha no trecho da Província de Shizuoka ainda não começou, mesmo seis anos após a assinatura do contrato.

As autoridades locais se recusaram a aprovar o trabalho de construção, citando preocupações ambientais, como ameaças aos níveis de água em um grande rio.

Como resultado das objeções, a empresa agora diz que não pode prever quando o serviço será iniciado, lançando dúvidas sobre o futuro do projeto e seu impacto no transporte ferroviário de alta velocidade no Japão.