12 C
Kóka
sexta-feira, 2024/03/01  6:59
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Junta de Myanmar declara serviço militar obrigatório para jovens

Medida surge em meio a perdas de soldados enfrentando forças pró-democracia e milícias étnicas.

Yangon, Myanmar – 12 de fevereiro de 2024 – A junta militar de Myanmar anunciou neste sábado (10), o serviço militar obrigatório para jovens, aparentemente para compensar os soldados perdidos lutando contra forças pró-democracia e milícias étnicas.

Os meios de comunicação estatais do país informaram que a medida começará de acordo com uma lei promulgada em 2010 para obrigar o recrutamento.

A mídia afirmou que homens com idade entre 18 e 35 anos e mulheres com idade entre 18 e 27 anos devem servir por até dois anos. O serviço militar pode ser prorrogado para cinco anos durante um estado de emergência.

O exército ressaltou que todo cidadão tem o dever de proteger a independência, soberania e integridade territorial de Myanmar.

O exército do país assumiu o poder em um golpe em fevereiro de 2021. Desde então, tem lutado contra forças pró-democracia e milícias étnicas.

No entanto, o exército tem visto um número crescente de soldados mortos ou se rendendo após a aliança de militantes étnicos lançar ofensivas coordenadas no final de outubro, no estado oriental de Shan.