17 C
Kōnan
segunda-feira, 1 de março de 2021

Meu Lugar: Rafting em Jaciara, no Mato Grosso – Brasil

Últimas Estatísticas do Coronavírus no Japão

Capacete, ok. Colete salva vidas, ok. Remo, ok. Bote, ok. Começa a aventura no rio Tenente Amaral, na pequena Jaciara, a 144 quilômetros de Cuiabá – cerca de 2 horas e meia de viagem. O rio é limpo e ideal para canoagem, o que torna o rafting um dos principais produtos turísticos da cidade. O ponto de partida não poderia ser melhor, a Cachoeira da Fumaça, um “véu” de água com 30 metros de altura que é cartão postal da cidade.

Para chegar até a cachoeira são cerca de 15 minutos de trilha leve, caminhando sobre o cânion por onde a água cai. Uma paradinha para apreciar a paisagem e a trilha continua. Ao chegar na parte de baixo da cachoeira nada melhor que alguns minutinhos debaixo d’água para entrar no clima. Com a alma lavada, é a vez de alongar e ter uma “aula” sobre o rafting e os principais comandos dos instrutores, só depois é que começa a descida.

O rio Tenente Amaral oferece níveis de dificuldade que variam de 1 a 4 e é indicado para o público amador. As primeiras quedas d’água são mais “tranquilas” e servem como ensaio para aquilo que está por vir, especialmente a queda do Bambu, a última do passeio e também a mais alta, com 3 metros. O percurso varia entre quedas, água agitada e adrenalina e trechos de calmaria. Em alguns pontos é possível sair dos botes e aproveitar as delícias do rio, nadar e contemplar a natureza – sempre com os equipamentos de segurança, claro.

Da Cachoeira da Fumaça até a queda do Bambu são cerca de duas horas de percurso. Terminado o trecho de quedas d’água, a equipe do Centro Oeste Rafting – responsável pelo passeio – avisa que a aventura não acabou. Uma trilha às margens do Tenente Amaral nos leva até a “Toca do Lobo”, uma cachoeirinha modesta mas que esconde uma caverna atrás do véu de água. Mais um momento para desacelerar e apreciar as surpresas que a natureza de Jaciara oferece.

Todo mundo relaxado? A trilha continua até chegarmos ao trecho mais tranquilo do rio. Lá, hora de entrar nos botes novamente e continuar a descida pelo Tenente Amaral apreciando a mata fechada que, ao final do passeio, ainda nos presenteia com uma generosa sombra. Deslizamos pelo rio até chegar ao Balneário Rocha, o ponto final da aventura. Depois de 3 horas e 5Km rio a baixo, só resta agradecer a Jaciara e planejar o retorno.

Fotos: Tony Ribeiro

Meu Lugar é um convite a vocês de onde estiverem que nos envie um pouco de seu país, cidade, seu bairro sua vila, nos conte um pouco da historia do seu lugar que iremos publicar no site da radioshiga.com.
As fotos devem ser de autoria própria, em alta resolução, em numero de no minimo 5 e no máximo 40 fotos. Devem vir acompanhadas junto com um pouco da historia do lugar com ate 5.000 toques e enviadas para [email protected]

Artigos relacionados

Esforços da Coreia do Sul para distribuir turistas

Esforços da Coreia do Sul para distribuir turistas Autoridades de turismo sul-coreanas elaboraram uma lista de 100 lugares a serem visitados, que incluem pontos ao...

Demanda de viagens aéreas internacionais não voltará até 2024

Demanda de viagens aéreas internacionais não voltará até 2024 O impacto da pandemia do novo coronavírus chinês deverá ser difícil nas viagens aéreas internacionais, com...

Confirmado primeiro caso de coronavírus na Nova Zelândia

Confirmado primeiro caso de coronavírus na Nova Zelândia A Nova Zelândia confirmou o primeiro caso de coronavírus no país. O Ministério da Saúde informa que um...

ÁSIA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

De férias em Cancún, prefeito de Florianópolis definiu lockdown

0
De férias em Cancún, prefeito de Florianópolis definiu lockdown Parece até história repetida, políticos viajando para o exterior enquanto determinam medidas duramente restritivas contra a...
Translate »