28 C
Kóka
sábado, 2024/07/20  9:49
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Falências no Japão atingem recorde da última década

Primeiro semestre de 2024 registra aumento de 22% nas quebras.

Tóquio, Japão, 09 de julho de 2024 – Agência de Notícias Kyodo – O número de falências corporativas no Japão atingiu o nível mais alto em uma década durante o primeiro semestre de 2024, de acordo com uma pesquisa realizada pela empresa de análise de crédito Teikoku Databank. O estudo revela que muitas empresas faliram após não conseguirem reembolsar empréstimos sem juros contraídos durante a pandemia de COVID-19.

A pesquisa indica que 4.887 empresas declararam falência com dívidas de pelo menos 10 milhões de ienes (aproximadamente 60 mil dólares), representando um aumento de 22% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O setor de serviços foi o mais afetado, registrando 1.228 falências, um aumento de 28%. Em seguida, vieram os setores de varejo e construção. A indústria de transporte rodoviário foi particularmente atingida pela escassez de motoristas e pelo aumento dos preços dos combustíveis, com 186 empresas de transporte falindo – o maior número desde 2009.

Um total de 390 empresas atribuíram sua falência à falta de fundos para reembolsar os empréstimos contraídos durante a pandemia. Este dado destaca os desafios econômicos enfrentados pelas empresas japonesas no período pós-pandemia, à medida que os suportes financeiros temporários são retirados.

Este aumento significativo nas falências corporativas sinaliza uma possível fragilidade na recuperação econômica do Japão e pode levar a uma reavaliação das políticas de apoio às empresas por parte do governo japonês.

Radio Shiga
Siga-nos
Últimos posts por Radio Shiga (exibir todos)