25.6 C
Kóka
quinta-feira, 2024/06/20  5:21
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Grupo de desertores na Coreia do Sul envia panfletos anti-Pyongyang através da fronteira

Balões transportam material de propaganda crítico ao líder norte-coreano Kim Jong Un.

Seul, Coreia do Sul, 7 de junho de 2024 (Yonhap) – Um grupo de desertores norte-coreanos na Coreia do Sul afirma ter enviado balões carregando material de propaganda anti-Pyongyang através da fronteira.

O grupo diz que 10 balões foram lançados de um local próximo à zona desmilitarizada no início da quinta-feira (6).

Balões carregam panfletos, pen drives e dólares
Segundo o grupo, os balões transportavam 200.000 panfletos criticando o ditador norte-coreano Kim Jong Un, pen drives contendo música e dramas sul-coreanos, além de notas de dólar.

O grupo também enviou balões com itens semelhantes em 10 de maio. Afirma que continuará enviando panfletos, que chama de “cartas de verdade e liberdade”, para seus compatriotas no Norte.

Pyongyang ameaça represálias
A Coreia do Norte começou a enviar balões carregando lixo e resíduos para a Coreia do Sul no final de maio, dizendo que era uma retaliação pelas ações do grupo de desertores.

No domingo (2), a Coreia do Norte anunciou que suspenderia temporariamente as atividades com balões.

Mas alertou que, se mais panfletos fossem enviados da Coreia do Sul, responderia com “lixo equivalente a 100 vezes” a quantidade dos panfletos de propaganda.

A troca de panfletos através da fronteira militarmente vigiada aumenta as tensões entre as duas Coreias, que permanecem tecnicamente em guerra desde 1953.