25.6 C
Kóka
quinta-feira, 2024/06/20  5:19
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Forças de Autodefesa do Japão realizam exercícios de tiro real no centro do país

Manobras anuais envolvem 2.100 militares e veículos blindados próximo ao Monte Fuji.

Shizuoka, Japão, 27 de maio de 2024 (Agência de Notícias Kyodo) – As Forças Terrestres de Autodefesa do Japão realizaram seus exercícios anuais de tiro real no sopé do Monte Fuji, no centro do país, no domingo (26).

Cerca de 2.100 militares e 53 veículos, incluindo tanques, participaram dos 66º exercícios desse tipo no campo de treinamento Higashi-Fuji das Forças Terrestres de Autodefesa na província de Shizuoka.

Premissa de invasão de ilha remota
A premissa dos exercícios era uma suposta invasão de uma ilha japonesa remota.

Drones foram enviados para reconhecer a área e alvos foram bombardeados.

Aeronaves de transporte Osprey também participaram dos exercícios.

As aeronaves de transporte de rotor basculante haviam sido aterradas desde um acidente fatal em novembro passado, quando um CV-22 Osprey da Base Aérea de Yokota dos EUA em Tóquio caiu no mar perto da ilha de Yakushima, na província sudoeste de Kagoshima, matando os oito tripulantes a bordo.

As forças militares dos EUA e as Forças Terrestres de Autodefesa retomaram os voos do Osprey em março.

Desembarque de tropas
Quando os Ospreys pousaram, tripulantes armados desembarcaram das aeronaves em ordem e assumiram suas posições.

Autoridades dizem que, ao final dos exercícios, terão gasto 68 toneladas de munição no valor de cerca de 840 milhões de ienes (5,35 milhões de dólares).