28.5 C
Kóka
quinta-feira, 2024/06/20  7:00
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Zelenskyy nega a captura russa de Bakhmut

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, negou a alegação da Rússia de que suas forças estavam assumindo o controle total da cidade de Bakhmut, no campo de batalha.

Zelenskyy nega a captura russa de Bakhmut

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, negou a alegação da Rússia de que suas forças estavam assumindo o controle total da cidade de Bakhmut, no campo de batalha.

Zelenskyy falou em uma coletiva de imprensa na cidade de Hiroshima, no oeste do Japão, na noite de domingo (21), depois de participar da cúpula do G7 no início do dia.

Ele disse que as forças russas não capturaram Bakhmut na região de Donetsk, no leste da Ucrânia. Ele acrescentou que os soldados ucranianos estão realizando uma tarefa muito importante na cidade, embora não tenha dito exatamente onde eles estão operando.

O comandante do exército ucraniano, coronel-general Oleksandr Syrskyi, publicou um vídeo em seu canal de mídia social no domingo (21), que o mostra visitando soldados na linha de frente perto de Bakhmut. Ele enfatizou que as forças ucranianas continuam sua ofensiva nos flancos perto de Bakhmut.

O gabinete presidencial russo disse, na manhã de domingo (21), que o presidente Vladimir Putin havia parabenizado a empresa militar privada de mercenários Wagner Group e o pessoal de serviço russo pela conclusão da operação para “libertar” a cidade.

O anúncio foi feito depois que o Ministério da Defesa da Rússia e o líder da Wagner, Yevgeny Prigozhin, afirmaram que suas forças haviam capturado totalmente Bakhmut.

Prigozhin também anunciou no sábado (20), que as forças do Wagner Group sairiam da cidade na quinta-feira (25), ou mais tarde.