22.9 C
Kōnan
quinta-feira, 9 de julho de 2020

Protestos cada vez mais difíceis de realizar em Hong Kong

As chamadas para protestos pró-democracia têm diminuído significativamente em Hong Kong. Isso se deve em parte à proibição de reuniões de mais de oito pessoas por causa do coronavírus chinês.

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

Chuvas torrenciais podem atingir extensas áreas do Japão

Chuvas torrenciais podem atingir extensas áreas do Japão Uma persistente frente de precipitação sazonal pode trazer chuvas torrenciais no oeste e leste do Japão até...

Terremoto de M4.7 atinge a região de Kanto

Terremoto de M4.7 atinge a região de Kanto Um terremoto de magnitude 4,7 atingiu a região de Kanto por volta das 6:05 da manhã desta...

Passa de 150 o número de casos novos do coronavírus chinês no Japão

Passa de 150 o número de casos novos do coronavírus chinês no Japão As autoridades japonesas informaram nesta quarta-feira (8), que mais 157 pessoas foram...

SAAB inicia a produção do Gripen no Brasil

SAAB inicia a produção do Gripen no Brasil A SAAB Aeronáutica Montagens (SAM), primeira fábrica de aeroestruturas da SAAB fora da Suécia para o novo...

China abre novo escritório de segurança em Hong Kong

China abre novo escritório de segurança em Hong Kong A China abriu um novo escritório de segurança em Hong Kong, reforçando ainda mais o seu...

Protestos cada vez mais difíceis de realizar em Hong Kong

As chamadas para protestos pró-democracia têm diminuído significativamente em Hong Kong. Isso se deve em parte à proibição de reuniões de mais de oito pessoas por causa do coronavírus chinês.

A aprovação pela China da legislação de segurança nacional para Hong Kong provocou pequenos protestos em locais como os centros comerciais. Mas as manifestações em grande escala e os atos violentos têm diminuído.

A proibição permanecerá em vigor até quinta-feira (4).

Cerca de 8.300 pessoas foram presas em relação aos protestos desde junho passado. Mais de 1.600 delas foram indiciadas por tumultos, participando de manifestações ilegais e outras acusações.

Embora muitos tenham sido libertados sob fiança, eles estão evitando atividades de protesto enquanto aguardam as decisões do tribunal.

Algumas pessoas em Hong Kong também estão apelando por apoio internacional para persuadir Pequim a mudar de curso. O governo de Hong Kong e o conselho legislativo não têm autoridade para tomar decisões sobre a legislação de segurança.

SourceNHK World

Artigos relacionados

Japão flexibilizará as restrições sobre as aglomerações

Japão flexibilizará as restrições sobre as aglomerações O governo japonês instruiu as 47 prefeituras do país a tomarem as devidas medidas ao aprovar uma nova...

China abre novo escritório de segurança em Hong Kong

China abre novo escritório de segurança em Hong Kong A China abriu um novo escritório de segurança em Hong Kong, reforçando ainda mais o seu...

EUA restringem vistos a oficiais da China em relação ao Tibete

EUA restringem vistos a oficiais da China em relação ao Tibete O governo dos EUA informa que restringirá os vistos para alguns oficiais chineses porque...

ÁSIA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

SAAB inicia a produção do Gripen no Brasil

0
SAAB inicia a produção do Gripen no Brasil A SAAB Aeronáutica Montagens (SAM), primeira fábrica de aeroestruturas da SAAB fora da Suécia para o novo...
Translate »