Rian Brito: Encontrado o corpo do neto de Chico Anysio

Rian Brito: Encontrado o corpo do neto de Chico Anysio. Terminou a procura…acabaram-se as esperanças…Rian Brito é encontrado. Descanse em paz…

O corpo do músico Rian Brito, 25 anos, filho dos artistas BRita BRazil e Nizo Neto, foi encontrado em uma Praia do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, em Quissamã, no Norte Fluminense, na manhã desta quinta-feira. Familiares foram ao local fazer o reconhecimento do corpo.

12376771_1714927748726401_8794792074983388560_n

Rian que é neto do humorista Chico Anysio (in memoria) estava desaparecido desde o dia 23 de fevereiro, quando foi deixado pela mãe numa auto-escola. O combinado era que ligasse assim que terminasse as aulas, o que não aconteceu. Segundo as informações da escola, ele não chegou a entrar nela. Sua mãe, preocupada ligou para o seu celular, mas Brian o havia deixado em casa, por esquecimento talvez. Foi ai que iniciou a procura desesperadora por Rian.

Câmeras de um shopping gravam imagens de Rian entrando num táxi. Começa uma busca incessante pelo taxista que levou Rian. Ele era a única esperança de dar noticias de onde o deixou e se havia comentado algo durante o trajeto.

O taxista se assustou com a campanha feita nas redes sociais à procura por sua pessoa, e não se manifestou, por sentir medo de ser acusado de estar envolvido no desaparecimento do músico. Mas logo surgiram novas pistas e a procura pelo taxista deu lugar a busca por Rian em outra direção.

12801245_1715359728683203_3314977992130311078_n

Câmeras da Rodoviária Novo Rio, mostraram imagens de Rian embarcando em um ônibus com destino a Quissamã, no último dia 23 de fevereiro. Nizo disse em um vídeo que postou nas suas redes sociais, que desconhecia o interesse de Rian pelo município do Norte Fluminense. “Quissamã pra gente é uma coisa novíssima na vida do Rian. Nunca nenhum de nós, nenhum amigo dele sabe de nada, de nenhum plano que ele tinha de ir pra esse lugar e pra gente isso é um grande mistério”, afirmou.

Após uma longa e incessante procura, o corpo foi achado em uma praia de Quissamã, no norte fluminense, próximo ao local onde foram descobertos pertences do jovem, como documentos pessoais, o cartão bancário, uma camisa e os chinelos, na última segunda-feira.

Rian estava a 25 km de onde seus documentos foram encontrados. A procura pelo neto do humorista contou com uma grande aparato. De acordo com a InterTV, quatro picapes, quatro quadriciclos, dois bugres e três barcos foram utilizados para percorrer os 44 km de praias e 18 lagos que formam o Parque Nacional. A reserva é extensa, englobando três municípios: Carapebus, Quissamã e Macaé. A aeronave usada para o voo desta manhã foi cedida pela Petrobras ao Instituto Chico Mendes, que administra o parque.

Tatiana Presser, esposa de Nizo Neto, postou em seu perfil no Facebook um vídeo onde o marido aparecia fazendo um apelo aos moradores de Quissamã. “Será que ninguém o viu?”, questionou Nizo, após os pertences pessoais do seu filho terem sido encontrados no parque por um pescador.

12814402_10153975355627509_5529865040052180340_n

O tenente da Polícia Militar, Amaro Garcia, que comandava as operações de busca, havia informado ter 99% de certeza de que o corpo encontrado era de Rian, devido uma pulseira, cordão e bermuda que foram descritas como pertencentes ao músico e no fim da tarde desta quinta-feira, a assessoria da Polícia Civil confirmou que o corpo era realmente do músico. Um necropapiloscopista identificou – o por meio de um exame na impressão digital.

Bruno Mazzeo, que é filho do Chico Anysio e Alcione Mazzeo e tio de Rian, utilizou as redes sociais para agradecer às manifestações de carinho recebidas nessa “semana de angústia”. “Meu mais sincero agradecimento”, disse.

Rian era integrante da Call It Fornication, banda cover do Red Hot Chili Peppers e tocava com sua mãe nos shows que ela se apresentava.

BRita ia lançar o CD Forro Carioca no dia 3 de março no Beco das Garrafas, mas devido as tristes circunstâncias, isso não foi possível. Rian, como sempre estaria acompanhando sua mãe como músico, se o destino não tivesse mudado o seu rumo.

12790948_1713913802161129_6299334467546950440_n

Rian vem de uma família do meio artístico, mas diferente da escolha artística dos familiares, onde seu avô e humorista Chico Anysio, morto em 2012, seu pai Nizo Neto, os tios Marcos Palmeira, Lug De Paula e Bruno Mazzeo, o Rian não se dedicou à atuação, assim como outros membros da família, como Cininha de Paula, Maria Maya, Lupe Gigliotti, Alcione Mazzeo (ex- esposa de Chico Anyisio e mãe do Bruno Mazzeo) e Tatiana Presser( esposa do seu pai Nizo Neto), mas sua paixão também era o palco, onde através da música ele se encontrava, assim como sua mãe, a cantora BRita BRazil.

BRita Brazil desmentiu nas redes sociais, na tarde desta quinta-feira, os boatos infundados de que seu filho teria se suicidado, mesmo porque ele era um rapaz tranquilo e envolvido com sua música, onde chegava a ficar 15 horas tocando.

Não acredito que diante da dor que estamos vivendo pela perda de nosso querido filho Rian, alguem tenha coragem de INVENTAR que foi suicídio.
Vocês são monstros. Mais uma vez a imprensa baseada em grana cria uma imagem distorcida da realidade.

10600362_1694100254142484_4486817289884293453_n

Rian fugiu da fama da familia, coisa que não o atraia, para se dedicar  à musica. Baixista, o músico estava começando a cantar. Tocava todos instrumentos, e sua mãe se considerava sua fã número 1. Rian era parceiro de BRita BRazil nos seus shows onde a acompanhava tocando.

Amigos e familiares prestaram homenagens ao jovem Rian nas suas redes sociais:

O ator e humorista Bruno Mazzeo agradeceu o apoio dos fãs e internautas. “Muito obrigado por todas as manifestações carinhosas durante essa semana de angústia. Meu mais sincero agradecimento”, postou no Twitter.

A atriz Maria Maya também comentou sobre a morte pela rede social. Ela escreveu “sem palavras” com uma foto demonstrando luto.

Malga Di Paula, viúva do humorista Chico Anysio também lamentou a morte de Rian.

“Vai na luz, menino de luz. O que conforta um pouco o coração é pensar que essa era sua hora de partir. Esse mundo está muito feio, garoto, para pessoas lindas e de alma pura como você continuarem. Seu avô certamente foi o anfitrião na sua chegada. Agora, juntos, vão fazer poesias e compôr melodias para os anjos cantarem. Amém”, disse Malga.

O músico será cremado nesta sexta-feira, às 16h, no Cemitério Memorial do Carmo, no Caju.

(Quero dedicar essa matéria à memória do Rian Brito, encerrando-a com aquilo que ele tanto amava…Música.

Descanse em paz…)

Radio Shiga by Cleo Oshiro

Artigo anteriorSá & Guarabyra: Os Grandes Ícones da MPB
Próximo artigoVídeo desagradável: turistas chineses ameaçam matar o guia por causa de assentos em banco de ônibus
Cleo Oshiro
Sou a Cleo Oshiro, uma mineira que no ano de 2002 optou por viver no Japão com a família. Em 2010 a Revista GVK Internacional no Brasil, especializada em karaokê, me descobriu no Orkut e através da minha paixão pela música e karaokê, decidiram fazer uma matéria sobre minha vida aqui no Japão, afinal foi aqui na cidade de Kobe que ele surgiu e se espalhou pelo mundo. Com a repercussão da matéria, eles me convidaram para ser a Correspondente Internacional da revista no Japão e aceitei o desafio e não parei mais. Fui Colunista Social por 2 anos no Portal Mie/Japão, da Revista Baladas Internacional/ Suiça, na BDCiTV/EUA e na Revista Biografia/ Brasil, realizando entrevistas com várias personalidades do meio artístico. Minhas matérias são para divulgar o trabalho dos artistas, sem apelos sensacionalistas, mesmo porque meu foco é mostrar a imensidão de talentos espalhados pelo mundo sejam famosos ou não. Atualmente faço parte da equipe da Rádio Shiga, onde faço matérias artísticas e sou a idealizadora do programa musical The Best Of Brazilian Music em parceria com o Omote-san. O programa foi suspenso devido problemas interno, mas o tempo em que esteve no ar levava a música brasileira à outros países da Asia. O programa The Best Of Brazilian Music era apresentado em inglês pela DJ Shine Dory, uma filipina apaixonada pela MPB e Bossa Nova. A escolha pelo idioma foi para alcançar japoneses e estrangeiros que vivem no Japão, já que inglês é um idioma universal e os brasileiros já contavam com o acesso as informações dos artistas através das matérias publicadas por mim no site