28 C
Kóka
sábado, 2024/07/20  9:43
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Chineses são procurados por vandalismo em santuário japonês

Polícia de Tóquio investiga pichação no Santuário Yasukuni.

Tóquio, Japão, 10 de julho de 2024 – Agência de Notícias Nippon – A polícia de Tóquio está à procura de dois cidadãos chineses suspeitos de vandalizar um pilar no Santuário Yasukuni, local que homenageia os mortos de guerra do Japão, incluindo líderes condenados por crimes de guerra após a Segunda Guerra Mundial.

Em 1º de junho, foi descoberta uma pichação em um pilar de pedra na entrada do santuário. A palavra “banheiro” havia sido pintada com spray vermelho, causando indignação entre os visitantes e funcionários do local.

As autoridades policiais de Tóquio identificaram dois suspeitos chineses após analisarem vídeos postados em redes sociais chinesas mostrando o ato de vandalismo. Os suspeitos são Dong Guangming, de 36 anos, e Xu Laiyu, de 25 anos, que deixaram o Japão para a China algumas horas após o incidente.

Os dois homens foram incluídos na lista de procurados sob suspeita de danos à propriedade e profanação de local de culto. Os investigadores acreditam que Dong tenha realizado a pichação, enquanto Xu teria filmado o ato.

Em conexão com o caso, a polícia prendeu outro cidadão chinês, Jiang Zhuojun, de 29 anos, residente na província de Saitama, próxima a Tóquio. Jiang é suspeito de ter comprado a tinta utilizada no vandalismo.

As autoridades japonesas estão investigando as possíveis ligações entre Jiang e os dois suspeitos foragidos, buscando esclarecer se houve uma ação coordenada ou se o incidente faz parte de um contexto mais amplo de tensões entre Japão e China.

O caso tem gerado preocupações sobre a segurança de locais históricos e religiosos no Japão, além de suscitar debates sobre as relações diplomáticas entre os dois países asiáticos. O Santuário Yasukuni é frequentemente alvo de controvérsias devido à sua associação com o passado militarista do Japão, sendo um ponto sensível nas relações do país com seus vizinhos, especialmente a China e a Coreia do Sul.

Radio Shiga
Siga-nos
Últimos posts por Radio Shiga (exibir todos)