28.5 C
Kóka
quinta-feira, 2024/06/20  7:01
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

OMS anuncia primeiro caso de infecção humana pelo vírus H5N2 da gripe aviária

Paciente de 59 anos no México faleceu após desenvolver sintomas graves.

Genebra, Suíça, 7 de junho de 2024 (Agência Notícias OMS) – A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou o primeiro caso mundial de infecção humana pelo vírus H5N2 da gripe aviária.

Detalhes do caso
A agência de saúde da ONU informou na quarta-feira (29) que um residente de 59 anos do México foi hospitalizado e faleceu em abril, após desenvolver sintomas que incluíam febre e falta de ar.

As autoridades de saúde mexicanas realizaram uma análise detalhada das amostras do paciente e confirmaram o subtipo H5N2.

Primeira infecção humana
A OMS afirmou que o vírus H5N2 nunca havia sido encontrado em um ser humano antes. O paciente falecido tinha várias condições subjacentes.

Até o momento, não foram relatados outros casos de infecção humana pelo subtipo H5N2, e a OMS avalia que o risco atual para a população em geral é baixo.

Investigação em andamento
A fonte de exposição ao vírus no caso do paciente falecido é atualmente desconhecida. As autoridades de saúde no México continuam investigando.

Histórico de infecções por gripe aviária
Dados da OMS mostram que mais de 800 casos de infecções humanas com outro subtipo de gripe aviária, o H5N1, foram confirmados desde 2003, principalmente na Ásia e na África. Mais de 460 dessas pessoas morreram.

A descoberta do primeiro caso de infecção humana pelo H5N2 destaca a importância da vigilância contínua e da investigação para prevenir possíveis surtos e proteger a saúde pública global.