12 C
Kóka
sexta-feira, 2024/03/01  6:00
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Grupo armado toma estúdio de TV durante transmissão ao vivo no Equador

Incidente ocorre um dia após o presidente declarar estado de emergência de 60 dias devido ao aumento da criminalidade relacionada ao tráfico de drogas.

Guayaquil, Equador – 10 de janeiro de 2024 – Um grupo armado tomou à força um estúdio de televisão durante uma transmissão ao vivo na cidade de Guayaquil, no oeste do Equador, conforme relatos da mídia local nesta terça-feira (9). As imagens mostram pessoas mascaradas e armadas dialogando com a equipe que estava no estúdio.

O incidente ocorre um dia após o presidente Daniel Noboa declarar um estado de emergência de 60 dias, em resposta à deterioração da situação de segurança devido ao aumento da criminalidade relacionada ao tráfico de drogas.

A situação levanta preocupações sobre a liberdade de imprensa e a segurança dos meios de comunicação no país. Autoridades locais ainda não divulgaram detalhes sobre a motivação ou identidade do grupo armado.

A recente declaração de estado de emergência ressalta a gravidade da situação de segurança no Equador, e o incidente no estúdio de TV amplifica as preocupações sobre a resposta do governo às crescentes ameaças à ordem pública. A comunidade internacional está atenta aos desenvolvimentos, enquanto o Equador enfrenta desafios significativos na busca por soluções eficazes para conter a criminalidade e manter a estabilidade.