22.2 C
Kōnan
domingo, 25 de setembro de 2022

Ucrânia pronta para lançar contra-ofensiva usando armas ocidentais

As tropas russas estão perto de tomar a cidade de Severodonetsk no leste da Ucrânia, mas as forças ucranianas parecem dispostas a lançar uma contra-ofensiva usando armas fornecidas pelo Ocidente.

Últimas Estatísticas do Coronavírus no Japão

Ucrânia pronta para lançar contra-ofensiva usando armas ocidentais

As tropas russas estão perto de tomar a cidade de Severodonetsk no leste da Ucrânia, mas as forças ucranianas parecem dispostas a lançar uma contra-ofensiva usando armas fornecidas pelo Ocidente.

O ministro da defesa ucraniano, Oleksii Reznikov, disse na quinta-feira (23), que seu país recebeu uma entrega de Sistemas de Foguetes de Artilharia de Alta Mobilidade dos Estados Unidos.

O governador de Luhansk, Serhiy Haidai, disse à mídia local que as tropas ucranianas foram instruídas a retirar-se de Severodonetsk. Ele também disse que as forças russas estão avançando para a cidade vizinha de Lysychansk.

Na sexta-feira (24), o Ministro das Relações Exteriores russo, Sergey Lavrov, acusou a União Européia e a OTAN de construir uma coalizão de guerra.

No mesmo dia, o presidente russo, Vladimir Putin, disse que os preços globais de alimentos e mercadorias estão subindo devido às políticas macroeconômicas do Grupo dos Sete países, e não à sua chamada operação militar especial na Ucrânia.

Putin falou em uma cúpula on-line dos países do BRICS. O grupo compreende o Brasil, a Rússia, a Índia, a China e a África do Sul. Outros países da Ásia, do Oriente Médio e da África também participaram.

A sexta-feira (24), marcou quatro meses desde o início da invasão da Rússia na Ucrânia.

SourceNHK

Artigos relacionados

ÁSIA

spot_imgspot_img
Translate »