26.7 C
Kōnan
sexta-feira, 19 de agosto de 2022

Talibã pede mais ajuda da comunidade internacional

Membros do Talibã estão pedindo à comunidade internacional mais apoio após um grande terremoto, uma vez que os esforços de resgate continuam no leste do Afeganistão.

Últimas Estatísticas do Coronavírus no Japão

Talibã pede mais ajuda da comunidade internacional

Membros do Talibã estão pedindo à comunidade internacional mais apoio após um grande terremoto, uma vez que os esforços de resgate continuam no leste do Afeganistão.

Pelo menos 1.040 pessoas morreram e mais de 1.600 ficarm feridas no terremoto de magnitude 5,9 que atingiu as províncias de Khost e Paktika na quarta-feira (22).

O porta-voz do Talibã, Mohammed Nasim, falou à NHK sobre a situação nas áreas afetadas.

Ele disse que todas as casas desmoronaram e que as pessoas precisam urgentemente de barracas, água potável e medicamentos.

Nasim observou que as operações de resgate estão progredindo, já que os países vizinhos e as organizações de direitos humanos estão prestando assistência.

Mas os Talibãs estão pedindo mais assistência porque os danos são muito extensos.

Países, incluindo o Japão, estão fornecendo, indiretamente, ajuda de emergência através de organizações internacionais. Eles não reconheceram o Talibã como um governo legítimo, citando o fracasso do grupo em melhorar a proteção dos direitos humanos das mulheres.

SourceNHK

Artigos relacionados

ÁSIA

spot_imgspot_img
Translate »