2.5 C
Kōnan
terça-feira, 18 de janeiro de 2022

AIEA atrasa a fiscalização in loco do plano de água tratada em Fukushima

A Agência Internacional de Energia Atômica - AIEA, decidiu adiar o envio de uma equipe de especialistas ao Japão para analisar um plano de liberação de água tratada da usina nuclear de Fukushima Daiichi.

Últimas Estatísticas do Coronavírus no Japão

AIEA atrasa a fiscalização in loco do plano de água tratada em Fukushima

A Agência Internacional de Energia Atômica – AIEA, decidiu adiar o envio de uma equipe de especialistas ao Japão para analisar um plano de liberação de água tratada da usina nuclear de Fukushima Daiichi.

A equipe deveria, originalmente, chegar ao Japão neste mês, mas a AIEA informa que enviará a equipe em janeiro ou mais tarde.

A AIEA citou a proibição de entrada de novos estrangeiros no Japão, em princípio para evitar infecções da variante Ômicron do coronavírus chinês.

O governo japonês planeja diluir a água tratada contendo trítio radioativo para níveis abaixo dos padrões nacionais e começar a descarregar em 2023.

O operador da usina, Tokyo Electric Power Company – TEPCO, planeja cavar um túnel subaquático que se estende a cerca de um quilômetro da costa e liberar a água tratada através dele.

A equipe da AIEA verificará a segurança da descarga de água à luz das normas internacionais e elaborará um relatório sobre o assunto.

A AIEA planeja avançar com parte de sua análise do plano conforme programado, incluindo uma entrevista online sobre a avaliação da TEPCO sobre o impacto que a liberação de água teria sobre as pessoas e o meio ambiente.

Funcionários da Agência de Recursos Naturais e Energia do Japão dizem que trabalharão para ajudar a equipe da AIEA a conduzir a avaliação sem problemas.

SourceNHK

Artigos relacionados

ÁSIA

spot_imgspot_img
Translate »