9.4 C
Kōnan
domingo, 5 de fevereiro de 2023

Variante Omicron detectada na Austrália e Europa

A Austrália relatou seus primeiros casos da variante Omicron do coronavírus chinês. A nova variante foi inicialmente identificada na África do Sul.

Variante Omicron detectada na Austrália e Europa

A Austrália relatou seus primeiros casos da variante Omicron do coronavírus chinês. A nova variante foi inicialmente identificada na África do Sul.

As autoridades australianas dizem que duas pessoas que testaram positivo para a variante Omicron no domingo (28) haviam entrado no país vindas da África Austral, e ambas foram totalmente vacinadas.

Os locais onde foram relatados casos de Omicron incluem Botsuana, Hong Kong, Israel, Grã-Bretanha, Alemanha, Bélgica e Itália.

Na Holanda, 61 passageiros de companhias aéreas da África do Sul apresentaram positivo para o coronavírus chinês. O país está aguardando por novos resultados de testes, pois há múltiplas suspeitas de casos de Omicron.

Ainda não se sabe se a variante Omicron se espalha mais rapidamente do que outras, se causa sintomas graves, ou quão eficazes as vacinas são contra ela.

Os países em todo o mundo estão intensificando as medidas para tentar bloquear a variante.

O governo australiano proibiu a entrada de estrangeiros da África do Sul e de outros oito países africanos. Também está exigindo que os australianos fiquem em quarentena por 14 dias após a chegada.

Israel decidiu proibir a entrada de estrangeiros de todos os países por 14 dias, expandindo a proibição das nações africanas.

Na Inglaterra, onde vive a maioria das pessoas no Reino Unido, o uso obrigatório de máscara foi restabelecido no transporte público e nas lojas de varejo.

SourceNHK

Artigos relacionados

ÁSIA

spot_imgspot_img
Translate »