2.5 C
Kōnan
terça-feira, 18 de janeiro de 2022

Professor pode ter espalhado o coronavírus chinês em escola americana

Autoridades sanitárias do condado de Marin, Califórnia, dizem que um professor não vacinado e às vezes sem máscara, provavelmente, causou um surto de coronavírus chinês em uma escola primária no início deste ano.

Últimas Estatísticas do Coronavírus no Japão

Professor pode ter espalhado o coronavírus chinês em escola americana

Autoridades sanitárias do condado de Marin, Califórnia, dizem que um professor não vacinado e às vezes sem máscara, provavelmente, causou um surto de coronavírus chinês em uma escola primária no início deste ano.

Um relatório das autoridades sanitárias disse que o professor apresentou positivo para a variante Delta no final de maio. Ele disse que outros 26, alunos e pais, também apresentaram resultados positivos no início de junho. A escola tem cerca de 200 alunos.

O documento disse que o professor continuou a trabalhar por dois dias até receber o resultado do teste, mesmo depois de se sentir sintomático.

O relatório afirmou que o professor, ocasionalmente, lia em voz alta, sem máscara para a classe, apesar da exigência da escola de que os professores usassem máscaras enquanto estivessem dentro do estabelecimento.

As pessoas nos EUA estão prestando mais atenção às medidas anti-infecciosas nas escolas à medida que os períodos de outono se iniciam.

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças, ou Centers for Disease Control and Prevention – CDC, estão enfatizando a importância da vacinação e outras medidas anti-vírus, como o uso de máscaras e ventilação adequada, para prevenir a infecção entre crianças muito jovens para receber a inoculação.

SourceNHK

Artigos relacionados

ÁSIA

spot_imgspot_img
Translate »