12.7 C
Kōnan
sexta-feira, 7 de maio de 2021

Professor brasileiro é homenageado pela Família Imperial Japonesa

O Diretor do Colégio Santos Dumont, da província de Shiga, prof. Anderson Yoshihara, recebeu neste Domingo (18), homenagem da Família Imperial do Japão em reconhecimento pelos serviços prestados, pelo conhecimento adquirido ao longo de sua vida e transmitir ensinamentos, tanto de vida quanto educacionais para crianças no país.

Últimas Estatísticas do Coronavírus no Japão

Professor brasileiro é homenageado pela Família Imperial Japonesa

O Diretor do Colégio Santos Dumont, da província de Shiga, prof. Anderson Yoshihara, recebeu neste Domingo (18), homenagem da Família Imperial do Japão em reconhecimento pelos serviços prestados, pelo conhecimento adquirido ao longo de sua vida e transmitir ensinamentos, tanto de vida quanto educacionais para crianças no país.

O premio Higashikuni Nomiya que foi criado pelo Príncipe Higashikuni em 1963 e visa homenagear os cidadãos, independente da nacionalidade, pelos seus feitos em melhorias, não havendo distinção das pequenas e grandes cousas, mas valorizando a importância do homenageado para a melhoria das relações do crescimento da sociedade.

A cerimônia foi online em decorrência da pandemia do coronavírus chinês

Na premiação desse ano foram cem agraciados, três da província de Shiga, sendo o Professor  Anderson Yoshihara o único brasileiro a receber o reconhecimento pela sua contribuição na área educacional e ajuda aos estrangeiros da comunidade local.

O Professor Anderson é paulistano e mora há 26 anos no Japão, e a mais de 16 atua na área educacional na província de Shiga, que abriga aproximadamente 27% de brasileiros do total de estrangeiros vivendo na província, que é de mais de 33.000 pessoas provenientes de outros países. Seu trabalho não se resume apenas a área educacional, é voluntario na ajuda dos conterrâneos ou não, que passam por necessidades, coletando doações que possam amenizar o sofrimento dos mais aflitos.

“Sempre gostei de ajudar as pessoas, mas sempre fiz minha parte sem mostrar ou aparecer, não comento nem mesmo para minha esposa que ajudei alguém. Mas de alguns anos para cá, as pessoas não estão precisando apenas de comida e roupas, precisam de proteção contra abusos sexuais e físicos, ajuda psicológica, educacional ou alguém para poder ouvir seu desabafo, e isso acabou tomando uma proporção maior!”, disse o professor.

O professor Anderson Yoshihara é Diretor no Colégio Santos Dumont, atua como secretario na Associação Nikkei de Shiga, editor chefe da RadioShiga.com, é membro da Associação Internacional da Cidade de Koka e da Associação dos Veteranos da Força Aérea Brasileira e foi embaixador para o Japão de uma organização de assistência internacional.

Artigos relacionados

ÁSIA

spot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

Brasil: Leilão do 5G deve ocorrer em meados de julho, diz...

0
Brasil: Leilão do 5G deve ocorrer em meados de julho, diz secretário O secretário de Telecomunicações do Ministério das Comunicações, Artur Coimbra, disse nesta quarta-feira...
Translate »