18.1 C
Kōnan
sexta-feira, 23 de outubro de 2020

Celso de Mello antecipa aposentadoria do STF

O ministro Celso Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), solicitou nesta sexta-feira (25), aposentadoria antecipada e deve deixar a Corte no dia 13 de outubro. 

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

Comissão do Senado dos EUA aprova a nomeação de Barrett para Suprema Corte

Comissão do Senado dos EUA aprova a nomeação de Barrett para Suprema Corte O Comitê Judiciário do Senado dos EUA, liderado pelos Republicanos, aprovou a...

Aumenta casos de infecção por coronavírus chinês na Europa

Aumenta casos de infecção por coronavírus chinês na Europa A França ampliou as medidas do toque de recolher para combater a propagação do coronavírus. É...

Aeroporto Narita reduzirá as taxas de aterrissagem

Aeroporto Narita reduzirá as taxas de aterrissagem O Aeroporto Narita, perto de Tóquio, está reduzindo as taxas de pouso à medida que as companhias aéreas...

Manifestações em New York contra tiroteios na Nigéria

Manifestações em New York contra tiroteios na Nigéria Várias pessoas participaram de uma manifestação em New York protestando contra o governo nigeriano por sua resposta...

O Índice de Preços ao Consumidor cai pelo segundo mês consecutivo no Japão

O Índice de Preços ao Consumidor cai pelo segundo mês consecutivo no Japão O Índice de Preços ao Consumidor - IPC, do Japão, continuaram a...

Celso de Mello antecipa aposentadoria do STF

O ministro Celso Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), solicitou nesta sexta-feira (25), aposentadoria antecipada e deve deixar a Corte no dia 13 de outubro.

Mello está no STF desde 1989, quando foi nomeado pelo então presidente José Sarney. O ministro se aposentaria compulsoriamente em 1º novembro ao completar 75 anos, idade máxima para manutenção de servidores públicos na ativa.

Com a decisão pessoal de Mello, caberá ao presidente Jair Bolsonaro indicar um ministro para vaga. Antes de tomar posse, o indicado deverá ser aprovado pela Comissão de Constituição de Justiça do Senado e pelo plenário da Casa.

Carreira 
Ao se aposentar, Celso de Mello completa 50 anos no serviço público. Formou-se em Ciências Jurídicas e Sociais na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, em 1969. Em 1970, foi aprovado em primeiro lugar no concurso público para promotor e ingressou no Ministério Público de São Paulo. Antes de ser nomeado para o Supremo, em 1989, ocupou o cargo de consultor-geral da República.

Artigos relacionados

Comissão do Senado dos EUA aprova a nomeação de Barrett para Suprema Corte

Comissão do Senado dos EUA aprova a nomeação de Barrett para Suprema Corte O Comitê Judiciário do Senado dos EUA, liderado pelos Republicanos, aprovou a...

Guinga recebe os irmãos Anna Paes e Pedro Paes em live no CCBB

Guinga recebe os irmãos Anna Paes e Pedro Paes em live no CCBB No quarto encontro do projeto GUINGA E AS VOZES FEMININAS, o violonista...

Bolsonaro sanciona projeto de lei que cria poupança social digital

Bolsonaro sanciona projeto de lei que cria poupança social digital O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quinta-feira (22) o projeto de lei que dispõe sobre...

ÁSIA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

Guinga recebe os irmãos Anna Paes e Pedro Paes em live...

0
Guinga recebe os irmãos Anna Paes e Pedro Paes em live no CCBB No quarto encontro do projeto GUINGA E AS VOZES FEMININAS, o violonista...
Translate »