11.1 C
Kōnan
quarta-feira, 8 de dezembro de 2021

Indonésia proíbe venda de bebidas alcoólicas em pequenas lojas

Últimas Estatísticas do Coronavírus no Japão

Uma nova lei que proíbe a venda de álcool em pequenas lojas entrou em vigor na Indonésia.

O álcool ainda pode ser vendido em supermercados, hotéis e estabelecimentos de comida, mas cerca de 70.000 lojas locais deixarão de ser autorizados a vende-lo.

O governo diz que as restrições são necessárias para proteger os jovens no país, de maioria muçulmana.

Mas a lei tem enfrentado oposição do setor turístico, principalmente na ilha de Bali, de maioria Hindu.

Bali depende basicamente do turismo e há preocupações quanto a proibição que poderia danificar gravemente a indústria turística, ao tornar ilegal para os vendedores para vender bebidas alcoólicas para os turistas nas praias.

Um funcionário do governo disse à BBC que os regulamentos poderiam ser mais relaxados para alguns comerciantes da praia de Bali, mas que o plano ainda não foi finalizado.

No início desta semana, dois partidos islâmicos propuseram ir ainda mais longe, proibindo o álcool completamente.

Eles querem que seja ilegal produzir ou vender bebidas alcoólicas e para quem for pego bebendo álcool enfrentar uma pena de prisão de até cinco anos, segundo o Jakarta Post.

Um legislador, Abdul Hakim do Partido da Justiça Próspera, disse à Reuters, que não era uma questão religiosa ou ideológica, mas “exclusivamente para a proteção dos filhos da nação”.

Bali e hotéis de cinco estrelas seriam excluídos da proibição.

Embora a população da Indonésia seja predominantemente muçulmana e o álcool seja geralmente proibido no Islã, o consumo tem aumentado nos últimos anos.

Fonte: bbc.com

Artigos relacionados

ÁSIA

spot_imgspot_img
Translate »