Guarda Costeira do Japão aumenta frota de navios patrulha

A Guarda Costeira do Japão planeja adicionar mais cinco navios patrulha a sua frota, para aumentar a segurança.

Image © (Navio patrulha da Guarda Costeira japonesa / Reprodução / via CBS) Jan/2019

Guarda Costeira do Japão aumenta frota de navios patrulha.

A Guarda Costeira do Japão planeja adicionar mais cinco navios patrulha a sua frota, para aumentar a segurança.

Autoridades da Guarda Costeira informam que um total de 70 embarcações chinesas entraram em águas territoriais japonesas ao redor das Ilhas Senkaku, no Mar da China Oriental, em 2018. O número é 38 a menos que no ano anterior.

O Japão controla as ilhas. O governo japonês sustenta que as ilhas são parte inerente do território do Japão. China e Taiwan também as reivindicam.

E, navios norte-coreanos realizaram, repetidamente, pesca ilegal na Zona Econômica Exclusiva do Japão, no mar do Japão, na costa da península de Noto.

A Guarda Costeira alertou um total de 1.624 barcos de pesca de lulas da Coreia do Norte no ano passado.

Também 225 barcos de madeira, que se acredita serem da Coreia do Norte, chegaram às costas do Japão – o maior número de todos os tempos.

Os cinco navios serão adicionados aos 62 grandes barcos de patrulha existentes. As autoridades dizem que esperam poder lidar com a situação, mesmo que vários eventos aconteçam simultaneamente nas águas do país.