26 C
Kōnan
quinta-feira, 1 de outubro de 2020

Trump proíbe negociações com TikTok e WeChat

O presidente Donald Trump ordenou a proibição de transações nos EUA com os proprietários dos aplicativos de mídia social chineses TikTok e WeChat. A medida aumenta a tensão entre Washington e Pequim.

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

Começa a campanha “Go To Eat” no Japão

Começa a campanha "Go To Eat" no Japão O programa japonês "Go To Eat", que incentiva as pessoas a jantar fora, começou nesta quinta-feira (1º)....

Bolsa de Valores de Tóquio suspende as negociações

Bolsa de Valores de Tóquio suspende as negociações A Bolsa de Valores de Tóquio suspendeu todas as negociações devido a problemas no sistema. Ela diz...

China anuncia prisão de 12 manifestantes de Hong kong

China anuncia prisão de 12 manifestantes de Hong kong Promotores chineses dizem ter prendido formalmente 12 ativistas pró-democracia de Hong Kong que foram detidos por...

Bolsonaro lamenta declarações de Biden sobre Amazônia

Bolsonaro lamenta declarações de Biden sobre Amazônia O presidente Jair Bolsonaro lamentou nesta quarta-feira (30) as declarações do candidato à presidência dos Estados Unidos, Joe...

Covid-19: Anvisa reduz exigências para análise de registro de vacinas

Covid-19: Anvisa reduz exigências para análise de registro de vacinas A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou uma nota técnica para simplificar o procedimento...

Trump proíbe negociações com TikTok e WeChat

O presidente Donald Trump ordenou a proibição de transações nos EUA com os proprietários dos aplicativos de mídia social chineses TikTok e WeChat. A medida aumenta a tensão entre Washington e Pequim.

Trump assinou as ordens executivas nesta quinta-feira (6). Citando preocupações com a segurança nacional, eles visam a ByteDance, o proprietário do aplicativo de compartilhamento de vídeo TikTok, e Tencent, que opera o aplicativo de mensagens WeChat. As proibições entrarão em vigor em 45 dias.

A ordem contra a TikTok diz que o aplicativo “ameaça permitir o acesso do Partido Comunista Chinês às informações pessoais e proprietárias dos americanos”.

Ela diz que poderia permitir à China “construir dossiês de informações pessoais para chantagem, e conduzir espionagem corporativa”.

A ação de Trump ocorre enquanto a Microsoft continua as negociações para adquirir as operações americanas da TikTok. Trump disse que se não for possível chegar a um acordo até 15 de setembro, a TikTok será encerrada no país.

Enquanto isso, um grupo de trabalho do governo dos EUA propôs a exclusão das empresas chinesas que não cumprem com os requisitos de auditoria.

O grupo submeteu a proposta à Trump. O grupo de trabalho diz que as empresas chinesas deveriam enfrentar regras de auditoria mais rígidas, e que deveriam ser excluídas das bolsas americanas até janeiro de 2022 se não cumprirem com elas.

SourceNHK World

Artigos relacionados

Bolsa de Valores de Tóquio suspende as negociações

Bolsa de Valores de Tóquio suspende as negociações A Bolsa de Valores de Tóquio suspendeu todas as negociações devido a problemas no sistema. Ela diz...

China anuncia prisão de 12 manifestantes de Hong kong

China anuncia prisão de 12 manifestantes de Hong kong Promotores chineses dizem ter prendido formalmente 12 ativistas pró-democracia de Hong Kong que foram detidos por...

Bolsonaro lamenta declarações de Biden sobre Amazônia

Bolsonaro lamenta declarações de Biden sobre Amazônia O presidente Jair Bolsonaro lamentou nesta quarta-feira (30) as declarações do candidato à presidência dos Estados Unidos, Joe...

ÁSIA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

Bolsonaro lamenta declarações de Biden sobre Amazônia

0
Bolsonaro lamenta declarações de Biden sobre Amazônia O presidente Jair Bolsonaro lamentou nesta quarta-feira (30) as declarações do candidato à presidência dos Estados Unidos, Joe...
Translate »