27 C
Kōnan
quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Grupo alerta que todas as vacinas do covid-19 utilizam células tronco de bebes abortados

Como a administração Trump expressa otimismo sobre o desenvolvimento de uma vacina para o coronavírus chinês, um grupo religioso está alertando que as principais vacinas em desenvolvimento são feitas com "linhas de células de bebês abortados ".

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

Brasil: governo do Paraná assina acordo com Rússia sobre vacina

Brasil: governo do Paraná assina acordo com Rússia sobre vacina O governo do Paraná celebrou nesta quarta-feira (12), um memorando de entendimento com a Rússia...

Covid-19 Brasil: 3.164.785 casos confirmados, 2.309.477 recuperados, 104.201 óbitos, 751.107 em recuperação

Covid-19 Brasil: 3.164.785 casos confirmados, 2.309.477 recuperados, 104.201 óbitos, 751.107 em recuperação O Brasil chegou a 104.201 mortes em função da pandemia do novo coronavírus....

Governo de Hong Kong usa lei para reprimir dissidentes diz Chow

Governo de Hong Kong usa lei para reprimir dissidentes diz Chow A ativista pró-democracia de Hong Kong, Agnes Chow, denunciou o governo do território por...

China critica visita do Secretário americano em Taiwan

China critica visita do Secretário americano em Taiwan O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, reiterou a oposição de Pequim às...

Secretário de Saúde dos EUA encerra visita a Taiwan

Secretário de Saúde dos EUA encerra visita a Taiwan O Secretário de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, Alex Azar, encerrou a sua viagem de...

Grupo alerta que todas as vacinas do covid-19 utilizam células tronco de bebês abortados

Como a administração Trump expressa otimismo sobre o desenvolvimento de uma vacina para o coronavírus chinês, um grupo religioso está alertando que as principais vacinas em desenvolvimento são feitas com “linhas de células de bebês abortados “.

As vacinas não são de fetos abortados, mas de linhas de células abortadas utilizadas por pesquisadores, diz o Liberty Counsel, que está realizando uma campanha exortando os membros do Congresso e os governadores a se oporem a um plano governamental para forçar a vacinação.

“Como um cidadão americano que ama meu país, minha Constituição e meu direito de recusar vacinações forçadas, peço-lhes que acabem com todas as considerações sobre as vacinas obrigatórias”, diz a Liberty Counsel.

Enquanto isso, o Gen. Gus Perna, um alto funcionário do Exército dos EUA no programa de vacinação rápida da Operação Warp, relatou o progresso, de acordo com o Washington Examiner.

“O que eu pensava ser uma meta aspiracional há 30 dias, quando foi anunciada pelo presidente, recentemente cheguei à conclusão de que é cada vez mais provável que ela ocorra”, disse ele.

O Presidente Trump disse que o Departamento de Defesa e o Departamento de Saúde e Serviços Humanos espera entregar 300 milhões de vacinas contra o coronavírus chinês até 1º de janeiro de 2021. Os programas de desenvolvimento e testes de vacinas da Johnson & Johnson, Moderna e AstraZeneca já estão em testes ou se preparando para começar.

Mas o presidente da Liberty Counsel, Mat Staver, está preocupado que as cinco maiores empresas de pesquisa de vacinas estejam “usando linhas de células abortadas para alimentar suas pesquisas e fabricar suas vacinas”.

E vários estados, disse ele, já estão trabalhando para remover as isenções religiosas das exigências de vacinação, incluindo Connecticut e Illinois.

A campanha da organização Liberty Counsel aponta que as vacinações são muito rentáveis para as empresas farmacêuticas.

“A indústria farmacêutica representa aproximadamente 1/6 da economia dos Estados Unidos. Além disso, o setor farmacêutico gasta mais dinheiro em lobby, em nível estadual e federal, do que qualquer outro setor da economia dos Estados Unidos. Em 2019, por exemplo, a industria farmacêutica gastou um enorme montante de $295 milhões de dólares em lobby federal – mais do dobro do segundo colocado mais próximo, a fabricação de eletrônicos”.

A Liberty Counsel disse que as vacinas desenvolvidas, usando células de bebê abortadas são mais fáceis de pesquisar e, portanto, mais baratas de desenvolver, aumentando a lucratividade para as empresas farmacêuticas e seus investidores.

“E que melhor oportunidade para fazer disparar esses lucros do que exigir a vacinação em massa de toda a população… mesmo sabendo-se agora que a COVID-19 tem apenas uma taxa de mortalidade de 0,26%, aproximadamente a mesma da gripe média anual”, disse o grupo.

“É absolutamente imperativo que paremos com este impulso de vacinações obrigatórias antes que ele vá adiante”. As isenções religiosas para as vacinações DEVEM se manter. TODAS as pessoas devem ser livres para decidir por si mesmas se devem tomar uma vacina – sem a forte pressão de multibilionários que abusam de nosso sistema político para remover essas escolhas”.

Enquanto isso, alguns especialistas, argumentando que o coronavírus chinês se enfraqueceu com o tempo, acreditam que ele poderia morrer sem a necessidade de uma vacina.

Um importante especialista italiano em doenças infecciosas, Matteo Bassetti, observou em uma entrevista ao The Telegraph of London que os pacientes da COVID-19 uma vez precisaram de ventilação e oxigênio.

“Agora, nas últimas quatro semanas, o quadro mudou completamente em termos de padrões. Pode haver uma carga viral menor no trato respiratório, provavelmente devido a uma mutação genética no vírus que ainda não foi demonstrada cientificamente. Além disso, agora estamos mais conscientes da doença e capazes de administrá-la”, disse Bassetti, chefe da clínica de doenças infecciosas do Hospital Policlinico San Martino da Itália.

“Foi como um tigre agressivo em março e abril, mas agora é como um gato selvagem. Até mesmo pacientes idosos, com 80 ou 90 anos, agora, estão sentados na cama, e respiram sem ajuda. Os mesmos pacientes teriam morrido em dois ou três dias antes”, disse o professor.

Ele concluiu que “provavelmente podeira acabar, completamente, sem uma vacina”.

“Temos cada vez menos pessoas infectadas e isso pode acabar com a extinção do vírus”.

SourceWND

Artigos relacionados

Japão oferece subsídios para universidades que realizam testes PCR

Japão oferece subsídios para universidades que realizam testes PCR O governo japonês oferecerá subsídios a universidades e institutos de pesquisa que permitam que seus equipamentos...

Brasil: governo do Paraná assina acordo com Rússia sobre vacina

Brasil: governo do Paraná assina acordo com Rússia sobre vacina O governo do Paraná celebrou nesta quarta-feira (12), um memorando de entendimento com a Rússia...

Covid-19 Brasil: 3.164.785 casos confirmados, 2.309.477 recuperados, 104.201 óbitos, 751.107 em recuperação

Covid-19 Brasil: 3.164.785 casos confirmados, 2.309.477 recuperados, 104.201 óbitos, 751.107 em recuperação O Brasil chegou a 104.201 mortes em função da pandemia do novo coronavírus....

ÁSIA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

Brasil: governo do Paraná assina acordo com Rússia sobre vacina

0
Brasil: governo do Paraná assina acordo com Rússia sobre vacina O governo do Paraná celebrou nesta quarta-feira (12), um memorando de entendimento com a Rússia...
Translate »