32.8 C
Kōnan
quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Facebook identificará postagens que violem suas regras

Facebook disse que começará a identificar com etiquetas de advertência em quaisquer mensagens, incluindo as de políticos que violem suas diretrizes.

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

China critica visita do Secretário americano em Taiwan

China critica visita do Secretário americano em Taiwan O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, reiterou a oposição de Pequim às...

Secretário de Saúde dos EUA encerra visita a Taiwan

Secretário de Saúde dos EUA encerra visita a Taiwan O Secretário de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, Alex Azar, encerrou a sua viagem de...

Parlamentares japoneses protestam contra a prisão de ativistas de Hong Kong

Parlamentares japoneses protestam contra a prisão de ativistas de Hong Kong Um grupo não partidário de legisladores japoneses emitiu uma declaração em protesto contra as...

LETRUX lança no YouTube o clipe da música “Vai Brotar”

LETRUX lança no YouTube o clipe da música "Vai Brotar" A cantora e compositora Letícia Novaes, a Letrux, encerra o mês de julho com o...

Tóquio relata 222 novos casos de coronavírus chinês nesta quarta-feira (12)

Tóquio relata 222 novos casos de coronavírus chinês nesta quarta-feira (12) O governo metropolitano de Tóquio relatou 222 novos casos de coronavírus chinês na capital,...

Facebook identificará postagens que violem suas regras

Facebook disse que começará a identificar com etiquetas de advertência em quaisquer mensagens, incluindo as de políticos que violem suas diretrizes.

O diretor executivo, Mark Zuckerberg, anunciou a nova política do Facebook sobre postagens e anúncios em uma mensagem de vídeo nesta sexta-feira (26).

Zuckerberg disse que anúncios que tenham conteúdo que instigue discriminação e ódio baseado em raça ou etnia serão proibidos.

Ele também disse que sua empresa rotulará conteúdo digno de notícia que viole suas políticas sem exceção e removerá qualquer conteúdo que incita à violência e dificulta a atividade de votação.

Mensagens sinalizadas no Twitter pelo presidente Donald Trump a respeito de protestos do “Black Lives Matter” que foram criticados como sendo de violência fanática. No entanto, Zuckerberg mostrou relutância em agir, afirmando que os comentários políticos devem ser tratados com cautela.

Entretanto, alguns funcionários do Facebook entraram em greve, em protesto, enquanto dezenas de grandes empresas começaram a retirar seus anúncios do Facebook por não fazerem o suficiente contra o discurso do ódio e a desinformação.

Observadores dizem que Zuckerberg está sendo forçado a mudar a política em face dos protestos crescentes.

SourceNHK World

Artigos relacionados

Governo de Hong Kong usa lei para reprimir dissidentes diz Chow

Governo de Hong Kong usa lei para reprimir dissidentes diz Chow A ativista pró-democracia de Hong Kong, Agnes Chow, denunciou o governo do território por...

China critica visita do Secretário americano em Taiwan

China critica visita do Secretário americano em Taiwan O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, reiterou a oposição de Pequim às...

Secretário de Saúde dos EUA encerra visita a Taiwan

Secretário de Saúde dos EUA encerra visita a Taiwan O Secretário de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, Alex Azar, encerrou a sua viagem de...

ÁSIA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

LETRUX lança no YouTube o clipe da música “Vai Brotar”

0
LETRUX lança no YouTube o clipe da música "Vai Brotar" A cantora e compositora Letícia Novaes, a Letrux, encerra o mês de julho com o...
Translate »