Brasil: Anvisa alerta sobre uso de hidroxicloroquina e cloroquina

Preocupada com notícias veiculadas na internet, sobre medicamentos que supostamente teriam eficácia no tratamento contra o novo coronavíruis (Covid-19), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou uma nota alertando sobre os riscos que a automedicação pode causar para a saúde.

Estatística COVID19 - Coronavírus

Última atualização em:
Total Global
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Austrália começa o teste da vacina BCG

Austrália começa o teste da vacina BCG Pesquisadores na Austrália iniciaram um teste clínico para determinar se a vacina BCG, que é usada para prevenir...

Salada vinagrete de azeitona com cenoura

Salada vinagrete de azeitona com cenoura Esta salada é ideal como antepasto. Pode ser servida como acompanhamento de queijos ou simplesmente sobre folhas verdes. Ingredientes: 1 cebola...

Rakuten lança serviço celular a nível nacional

Rakuten lança serviço celular a nível nacional O gigante do comércio eletrônico Rakuten tornou-se a 4ª operadora de telefonia móvel no Japão a oferecer um...

Parques temáticos no Japão prolongam o fechamento

Parques temáticos no Japão prolongam o fechamento Os operadores de grandes parques temáticos no Japão informam que continuarão fechados por pelo menos mais um mês,...

Japão expandirá os serviços de ajuda às vítimas de violência doméstica

Japão expandirá os serviços de ajuda às vítimas de violência doméstica O Governo japonês está se preparando para um possível aumento de casos de violência...

Brasil: Anvisa alerta sobre uso de hidroxicloroquina e cloroquina

Preocupada com notícias veiculadas na internet, sobre medicamentos que supostamente teriam eficácia no tratamento contra o novo coronavíruis (Covid-19), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou uma nota alertando sobre os riscos que a automedicação pode causar para a saúde.

A nota fala especificamente dos medicamentos que contêm hidroxicloroquina e cloroquina. De acordo com a agência, esses medicamentos são usados para tratamento da artrite, lúpus eritematoso, doenças fotossensíveis e malária.

“Apesar de promissores, não existem estudos conclusivos que comprovam o uso desses medicamentos para o tratamento da Covid-19.

Portanto, não há recomendação da Anvisa, no momento, para a sua utilização em pacientes infectados ou mesmo como forma de prevenção à contaminação pelo novo coronavírus”, explica a Anvisa.

Brasil

Brasil: condutores já podem imprimir em casa documento veicular

Brasil: condutores já podem imprimir em casa documento veicular Os proprietários de veículos de 13 estados e do Distrito Federal já podem imprimir o documento...

Brasil: governo começa a pagar auxílio emergencial de R$ 600 nesta quinta-feira (9)

Brasil: governo começa a pagar auxílio emergencial de R$ 600 nesta quinta-feira (9) O governo começa a pagar na quinta-feira (9) a primeira parcela do...

Brasil: governo do Pará proíbe corte de internet por dois meses

Brasil: governo do Pará proíbe corte de internet por dois meses O governo do Pará proibiu a suspensão dos serviços de acesso à internet no...

Artigos relacionados

Pior cenário desde a Grande Depressão diz FMI

Pior cenário desde a Grande Depressão diz FMI De acordo com a chefe do Fundo Monetário Internacional, o crescimento global será fortemente negativo em 2020,...

Austrália começa o teste da vacina BCG

Austrália começa o teste da vacina BCG Pesquisadores na Austrália iniciaram um teste clínico para determinar se a vacina BCG, que é usada para prevenir...

Parques temáticos no Japão prolongam o fechamento

Parques temáticos no Japão prolongam o fechamento Os operadores de grandes parques temáticos no Japão informam que continuarão fechados por pelo menos mais um mês,...
Translate »