27 C
Kōnan
sexta-feira, 7 de agosto de 2020

Justiça do Japão ordena prisão de mulher de Carlos Ghosn por falso testemunho

A Justiça do Japão emitiu nesta terça-feira (7) ordem de prisão contra Carole Ghosn, mulher do ex-CEO da Renault e da Nissan Carlos Ghosn, por falso testemunho.

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

Trump proíbe negociações com TikTok e WeChat

Trump proíbe negociações com TikTok e WeChat O presidente Donald Trump ordenou a proibição de transações nos EUA com os proprietários dos aplicativos de mídia...

16 suspeitos detidos por causa da explosão mortal de Beirute

16 suspeitos detidos por causa da explosão mortal de Beirute Autoridades libanesas dizem ter detido suspeitos em conexão com a explosão mortal de terça-feira (4),...

Vacina poderá ser fornecida no Japão entre janeiro e março

Vacina poderá ser fornecida no Japão entre janeiro e março Segundo a NHK, o primeiro fornecimento ao Japão de uma vacina experimental contra o coronavírus...

Tóquio reporta 462 novos casos de coronavírus chinês nesta sexta-feira (7)

Tóquio reporta 462 novos casos de coronavírus chinês nesta sexta-feira (7) O governo metropolitano de Tóquio informa que foram confirmados 462 casos de infecção pelo...

Comemoração de 1 ano do Gaúcho Lanches e Grill em Konan-Shi

Comemoração de 1 ano do Gaúcho Lanches e Grill em Konan-Shi Será celebrado, neste domingo (9), a partir das 12h00, 1 ano da inauguração do...

Justiça do Japão ordena prisão de mulher de Carlos Ghosn por falso testemunho

A Justiça do Japão emitiu nesta terça-feira (7) ordem de prisão contra Carole Ghosn, mulher do ex-CEO da Renault e da Nissan Carlos Ghosn, por falso testemunho.

Ela está no Líbano, para onde o ex-executivo fugiu. O mandado de prisão contra Carole foi pedido pela promotoria japonesa.

Ela é acusada de ter mentido ao afirmar que não conhecia e não tinha se encontrado com pessoas relacionadas a uma empresa que recebeu pagamentos da Nissan Motor. A quantia depois foi repassada para uma companhia de Carlos Ghosn.

O ex-executivo, que tem nacionalidade brasileira, francesa e libanesa, estava sob prisão domiciliar no Japão e seria julgado por crimes financeiros.

O Ministério da Justiça japonês busca agora formas de trazer ele de volta ao país, e para isso está estudando as leis libanesas. A pasta diz que fará “tudo o que for preciso” para levar Ghosn a julgamento, segundo matéria publicada pela Reuters.

Líbano diz que sua entrada no país foi ‘legal’
O governo do Líbano confirmou ter recebido a ordem de prisão contra Carlos Ghosn e disse tomaria as medidas cabíveis, mas nenhum mandado em relação a Carole foi notificado.

“Ghosn é um cidadão libanês e tem o direito de ser tratado com base no judiciário competente e nas leis aplicáveis, e sua entrada no território libanês é legal”, afirmou o Ministério da Justiça do Líbano.

O embaixador japonês no Líbano, Takeshi Okubo, conversou sobre a questão com o presidente libanês, Michel Aoun, e pediu cooperação.

O ex-executivo deverá conceder coletiva de imprensa nesta quarta-feira (8), no que pode ser sua primeira aparição pública desde sua prisão, em 2018, e sua fuga para o Líbano, país onde passou a infância.

Artigos relacionados

Calor escaldante atinge o centro de Tóquio

Calor escaldante atinge o centro de Tóquio A temperatura subiu acima de 35 graus Celsius no centro de Tóquio, pela primeira vez neste verão, enquanto...

Trump proíbe negociações com TikTok e WeChat

Trump proíbe negociações com TikTok e WeChat O presidente Donald Trump ordenou a proibição de transações nos EUA com os proprietários dos aplicativos de mídia...

Vacina poderá ser fornecida no Japão entre janeiro e março

Vacina poderá ser fornecida no Japão entre janeiro e março Segundo a NHK, o primeiro fornecimento ao Japão de uma vacina experimental contra o coronavírus...

ÁSIA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - BRASIL

Covid-19 Brasil: 2.912.212 casos confirmados, 2.047.660 recuperados, 98.493 óbitos e 766.059...

0
Covid-19 Brasil: 2.912.212 casos confirmados, 2.047.660 recuperados, 98.493 óbitos e 766.059 em recuperação O balanço diário do Ministério da Saúde divulgado nesta quinta-feira (6) totalizou...
Translate »