Forças de segurança iranianas dispersam manifestantes

As forças de segurança em Teerã dispersaram os manifestantes que criticam o principal líder pelo abate de um avião de passageiros ucraniano pelos militares.

Image © (Forças de Segurança do Irã dispersando manifestantes contra a derrubada do jato ucraniano / Reprodução / Voice of America) Jan/2020

Forças de segurança iranianas dispersam manifestantes

As forças de segurança em Teerã dispersaram os manifestantes que criticam o principal líder pelo abate de um avião de passageiros ucraniano pelos militares.

Os protestos continuaram pelo segundo dia consecutivo neste domingo (12), depois que os militares admitiram, no dia anterior, que o avião tinha sido derrubado por engano.

Os manifestantes cantaram “Morte ao ditador” para denunciar o Líder Supremo Ayatollah Ali Khamenei.

A polícia de choque disparou gás lacrimogéneo e tiros para o alto, para dispersar o protesto.

O voo da Ukraine International Airlines foi derrubado na quarta-feira (8), pouco depois da descolagem de Teerão. Todas as 176 pessoas a bordo morreram.

A liderança do Irã parece preocupada ao ver manifestações maciças contra a decisão abrupta do governo de aumentar os preços da gasolina espalhados por todo o país em novembro. A Anistia Internacional diz que centenas de pessoas foram mortas e milhares de outras ficaram feridas na agitação.

O presidente norte-americano Donald Trump foi ao Twitter no domingo para avisar os líderes iranianos para não matar os manifestantes. Ele escreveu que o mundo e, mais importante, os EUA estão observando os acontecimentos no Irã.