Brasil: começa em fevereiro a 34ª Bienal de São Paulo

A 34ª Bienal de São Paulo chega no mês que vem com a proposta de destacar as semelhanças entre os processos criativos de cada artista. Este ano, a bienal leva o título Faz Escuro mas Eu Canto, verso do poeta amazonense Thiago de Mello (Barreirinha, 1926).

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

Força mental pode contar a favor do judô brasileiro na Olimpíada

Força mental pode contar a favor do judô brasileiro na Olimpíada No comando da seleção brasileira masculina de judô desde 2018, a sensei Yuko Fujii,...

Especialistas questionam estudo que invalidou uso de cloroquina

Especialistas questionam estudo que invalidou uso de cloroquina Após afirmar em artigo médico-científico que o uso da hidroxicloroquina não é eficaz e pode causar riscos...

Covid-19 Brasil: 465.166 casos confirmados, 27.878 mortes, 189.476 recuperados e 247.812 em recuperação

Covid-19 Brasil: 465.166 casos confirmados, 27.878 mortes, 189.476 recuperados e 247.812 em recuperação O balanço diário divulgado pelo Ministério da Saúde trouxe 26.928 novas pessoas...

Cidade de Nova Iorque flexibilizará parcialmente a economia a partir de 8 de junho

Cidade de Nova Iorque flexibilizará parcialmente a economia a partir de 8 de junho O governador de Nova York, Andrew Cuomo, diz que Nova York...

Usina de urânio da Coreia do Norte ainda continua em operação diz grupo de pesquisa

Usina de urânio da Coreia do Norte ainda continua em operação diz grupo de pesquisa Um grupo de pesquisa norte-americano informa que imagens de satélite...

Brasil: começa em fevereiro a 34ª Bienal de São Paulo

A 34ª Bienal de São Paulo chega no mês que vem com a proposta de destacar as semelhanças entre os processos criativos de cada artista. Este ano, a bienal leva o título Faz Escuro mas Eu Canto, verso do poeta amazonense Thiago de Mello (Barreirinha, 1926).

De acordo com os organizadores, a programação vai apresentar as obras de forma encadeada. De fevereiro a agosto, serão apresentadas três exposições individuais, começando pela peruana Ximena Garrido-Lecca que, em sua pesquisa, examina a história do Peru e explora o impacto cultural dos padrões neocoloniais. Na sequência, vêm a brasileira Clara Ianni e a fotógrafa estadunidense Deana Lawson, em abril e julho, respectivamente.

Clara trata sobre como o capitalismo globalizado afeta o tempo, a história e o espaço. Já Deana é conhecida por se apropriar de fotografias encontradas e misturá-las àquelas que ela mesma registra. Seu trabalho provoca questionamentos sobre temas étnico-raciais.

Duas das exposições individuais, a de Ximena e a de Clara, serão abertas com ações performáticas de curta duração, de autoria de Neo Muyanga e León Ferrari. A programação conta, ainda, com uma terceira performance, do artista fluminense Hélio Oiticica. Falecido em março de 1980, ele nunca chegou a apresentar a obra, batizada de A Ronda da Morte, que consiste em um ambiente com ares circenses, no qual pessoas dançam e que é cercado por cavalos em movimento. O curador-geral da 34ª Bienal, Jacopo Crivelli Visconti, afirma que Oiticica concebeu a obra após regressar ao Brasil, depois de temporadas em Londres e em Nova York. “Era um pouco a resposta dele quanto ao que estava vendo nas cidades, que eram mudanças políticas de abertura, após o término da ditadura, mas que não alteravam substancialmente as estruturas de poder e as relações muitas vezes violentas”, diz.

A partir de setembro, as obras que integram as exposições individuais serão reunidas em uma mostra coletiva, que poderá ser visitada pelo público de 5 de setembro a 6 de dezembro, no Pavilhão Ciccillo Matarazzo. Além da exposição coletiva, os organizadores vão promover mostras paralelas, em parceria com 25 instituições paulistas.

Visconti acrescenta que a pluralidade de perspectivas, presente nas exposições desta edição, é resultado da curadoria realizada por quatro profissionais, além dele. São eles: Paulo Miyada, Carla Zaccagnini, Francesco Stocchi e Ruth Estévez.

Serviço:
34ª Bienal de São Paulo – “Faz escuro mas eu canto”
Pavilhão Ciccillo Matarazzo | Parque Ibirapuera
Entrada gratuita

Exposições individuais: 
Ximena Garrido-Lecca / Neo Muyanga: 8 de fevereiro a 15 março
Clara Ianni / León Ferrari: 25 de abril a 8 de junho
Deana Lawson: 25 de julho a 23 de agosto de 2020
Exposição coletiva*: de 5 de setembro a 6 de dezembro de 2020
* com performance de Hélio Oiticica na abertura

A programação organizada pelas 25 instituições parceiras da Fundação Bienal da São Paulo pode ser conferida no site da instituição.

Brasil

Policiais brasileiros cumprem ordens ilegais

Policiais brasileiros cumprem ordens ilegais Um dos pilares do denominado Estado Democrático de DIREITO, é o de que existe um Estado / Poder Público juridicamente organizado,...

Força mental pode contar a favor do judô brasileiro na Olimpíada

Força mental pode contar a favor do judô brasileiro na Olimpíada No comando da seleção brasileira masculina de judô desde 2018, a sensei Yuko Fujii,...

Covid-19 Brasil: 465.166 casos confirmados, 27.878 mortes, 189.476 recuperados e 247.812 em recuperação

Covid-19 Brasil: 465.166 casos confirmados, 27.878 mortes, 189.476 recuperados e 247.812 em recuperação O balanço diário divulgado pelo Ministério da Saúde trouxe 26.928 novas pessoas...

Artigos relacionados

Policiais brasileiros cumprem ordens ilegais

Policiais brasileiros cumprem ordens ilegais Um dos pilares do denominado Estado Democrático de DIREITO, é o de que existe um Estado / Poder Público juridicamente organizado,...

Força mental pode contar a favor do judô brasileiro na Olimpíada

Força mental pode contar a favor do judô brasileiro na Olimpíada No comando da seleção brasileira masculina de judô desde 2018, a sensei Yuko Fujii,...

Covid-19 Brasil: 465.166 casos confirmados, 27.878 mortes, 189.476 recuperados e 247.812 em recuperação

Covid-19 Brasil: 465.166 casos confirmados, 27.878 mortes, 189.476 recuperados e 247.812 em recuperação O balanço diário divulgado pelo Ministério da Saúde trouxe 26.928 novas pessoas...
Translate »