Duterte abrevia viagem ao Japão devido a ‘dor insuportável’ na coluna vertebral

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, está prestes a voltar mais cedo do Japão para as Filipinas devido a uma "dor insuportável" nas costas, disse o Palácio Malacañang nesta terça-feira (22).

Image © (Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, apoiando a cabeça em uma bengala / Reprodução / via GMA) Oct/2019

Duterte abrevia viagem ao Japão devido a ‘dor insuportável’ na coluna vertebral

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, está prestes a voltar mais cedo do Japão para as Filipinas devido a uma “dor insuportável” nas costas, disse o Palácio Malacañang nesta terça-feira (22).

O porta-voz de Duterte, Salvador Panelo, divulgou o ocorrido depois que o Presidente participou da cerimônia de entronização do imperador japonês Naruhito, em Tóquio, na tarde de terça-feira.

“O Palácio anuncia que o presidente vai abreviar sua viagem ao Japão devido à dor insuportável em sua coluna vertebral, perto do osso pélvico, como consequência de sua queda durante um passeio de moto na última quinta-feira, 17 de outubro”, disse Panelo.

Panelo disse que Duterte voltaria às Filipinas no início da noite de terça-feira e consultaria seu neurologista na quarta-feira.

Como resultado, o presidente não comparecerá ao banquete do Imperador na noite de terça-feira, no Palácio Imperial, e pediu à sua filha, prefeita da cidade de Davao, Sara Duterte, para representá-lo e participar em seu nome, de acordo com Panelo.

O presidente, no entanto, foi capaz de assistir à cerimônia de entronização, embora tenha usado uma bengala “para ajudá-lo em sua caminhada”, disse Panelo.

” Embora isso fosse imprevisível, o público pode ter a certeza de que não há nada para se preocupar com a saúde física e as condições do Presidente da República, pois ele dá prioridade séria a isso, em servir ativamente o nosso país”, disse Panelo.

Na semana passada, Duterte caiu de sua motocicleta dentro do complexo do Palácio Malacañang, o que resultou em uma pequena lesão, contusões leves e pequenos arranhões no cotovelo e joelho.

O presidente da Indonésia, Joko Widodo, e o sultão do Brunei, Hassanal Bolkiah, expressaram sua preocupação com Duterte, de 74 anos, mas o secretário de Relações Exteriores, Teodoro Locsin Jr., assegurou que o presidente estava bem.