Coreia do Sul pede ao Japão para compartilhar informações de mísseis

O ministro da Defesa da Coreia do Sul informou que seu país pediu ao Japão para compartilhar informações sobre o disparo do que parece ser um míssil balístico lançado por um submarino pela Coreia do Norte.

Estatística COVID19 - Coronavírus

Total Global
Última atualização em:
Casos

Mortes

Recuperados

Active

Casos Today

Mortes Today

Critical

Affected Countries

Tóquio pronto para flexibilizar as restrições

Tóquio pronto para diminuir as restrições Tóquio está em meio à reabertura após o número de novas infecções por coronavírus chinês ter caído de seu...

Renault cortará 15.000 empregos em todo o mundo

Renault cortará 15.000 empregos em todo o mundo A montadora francesa Renault elaborou um plano de reestruturação que inclui uma redução de quase 15.000 empregos...

Minnesota declara emergência à medida que protestos continuam

Minnesota declara emergência à medida que protestos continuam O governador do estado de Minnesota, no meio-oeste dos Estados Unidos, declarou estado de emergência sobre a...

Trump assina ordem executiva das mídias sociais

Trump assina ordem executiva das mídias sociais O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou uma ordem executiva buscando uma revisão das proteções legais concedidas...

Bolo de tangerina com castanha de caju

Bolo de tangerina com castanha de caju Para preparar este bolo, escolha tangerinas pequenas de sabor forte. Ingredientes: Bolo: 4 a 6 tangerinas ¾ de xícara (150 g) de...

Coreia do Sul pede ao Japão para compartilhar informações de mísseis

O ministro da Defesa da Coreia do Sul informou que seu país pediu ao Japão para compartilhar informações sobre o disparo do que parece ser um míssil balístico lançado por um submarino pela Coreia do Norte.

Jeong Kyeong-doo foi questionado se a Coreia do Sul fez o pedido ao Japão, em uma comissão no parlamento na quarta-feira (2).

Jeong disse que recebeu um relatório dizendo que o Japão não fez um pedido, mas que a Coreia do Sul fez, com base no Acordo Geral de Segurança de Informações Militares, ou GSOMIA.

A Coreia do Sul, em agosto, decidiu terminar o pacto de compartilhamento de inteligência que expirará em 23 de novembro.

Fontes do Ministério da Defesa sul-coreano dizem que é a primeira vez que a Coreia do Sul pede que as informações sejam compartilhadas desde que decidiu cancelar o pacto.

Os Estados Unidos exortaram a Coreia do Sul a retirar a sua decisão.

Mas a Coreia do Sul diz que não o fará, a menos que o governo japonês retrate seus controles de exportação mais rígidos.

SourceNHK World

Brasil

Covid-19 Brasil: 411.821 casos confirmados, 25.598 mortes, 166.647 recuperados e 219.576 em recuperação

Covid-19 Brasil: 411.821 casos confirmados, 25.598 mortes, 166.647 recuperados e 219.576 em recuperação O Brasil passou dos 400 mil casos confirmados de covid-19, de acordo...

PGR pede suspensão de inquérito que apura divulgação de fake news

  PGR pede suspensão de inquérito que apura divulgação de fake news O procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu, nesta quarta-feira (27), ao Supremo Tribunal Federal...

Brasil do absurdo: Suprema Corte ordena busca e apreensão contra a liberdade de expressão

Brasil do absurdo: Suprema Corte ordena busca e apreensão contra a liberdade de expressão A Polícia Federal (PF) cumpriu, nesta quarta-feira (27), 29 mandados de...

Artigos relacionados

Twitter toma ação contra tweets de Trump

Twitter toma ação contra tweets de Trump A empresa de mídia social norte-americana Twitter tomou medidas para evitar que um post do presidente Donald Trump...

Tóquio pronto para flexibilizar as restrições

Tóquio pronto para diminuir as restrições Tóquio está em meio à reabertura após o número de novas infecções por coronavírus chinês ter caído de seu...

Renault cortará 15.000 empregos em todo o mundo

Renault cortará 15.000 empregos em todo o mundo A montadora francesa Renault elaborou um plano de reestruturação que inclui uma redução de quase 15.000 empregos...
Translate »