Revista semanal japonesa pede desculpas por artigo sobre a Coreia do Sul

Uma revista semanal japonesa emitiu um pedido de desculpas depois de publicar um artigo especial sobre a Coreia do Sul, que foi amplamente criticado por incitar ao ódio.

Image © (Imagem referencial / via NHK World) Sep/2019

Revista semanal japonesa pede desculpas por artigo sobre a Coreia do Sul

Uma revista semanal japonesa emitiu um pedido de desculpas depois de publicar um artigo especial sobre a Coreia do Sul, que foi amplamente criticado por incitar ao ódio.

O pedido de desculpas ocorre quando as relações entre os dois países têm-se deteriorado sobre questões comerciais e históricas.

O relatório especial sobre a Coreia do Sul foi veiculado em uma edição do Shukan Post, publicado na segunda-feira (2). A seção, de 10 página,s foi intitulada: “Adeus a um vizinho irritante. Não precisamos da Coreia do Sul”.

A seção inclui um artigo que foi, supostamente, baseado em uma tese acadêmica sul-coreana. Debaixo de uma manchete que diz ” A patologia dos sul-coreanos que não podem controlar a raiva”, alegando que uma em cada 10 pessoas no país precisa de tratamento.

Yu Miri, um autor coreano que mora no Japão, tweetou que o relatório equivale a um discurso de ódio e instiga a discriminação racial e hostilidade.

O filósofo Tatsuru Uchida acrescentou no Twitter que não vai mais trabalhar com Shogakukan, que publica a revista.

A equipe editorial do Shukan Post divulgou um pedido de desculpas em seu site na segunda-feira à noite, dizendo que o relatório poderia espalhar mal-entendidos e falta de consideração.

Tóquio e Seul estão em disputa quanto às decisões do tribunal sul-coreano sobre o trabalho em tempo de guerra. O Japão intensificou os controles das exportações para a Coreia do Sul. O país respondeu, decidindo, acabar com um pacto de compartilhamento de inteligência militar com o Japão.