Protestos em Hong Kong aumentam a ansiedade entre a população

Os protestos em curso em Hong Kong contra uma proposta de lei de extradição aumentaram a ansiedade entre turistas e residentes.

Image © (Imagem referencial / via NHK World) Aug/2019

Protestos em Hong Kong aumentam a ansiedade entre a população

Os protestos em curso em Hong Kong contra uma proposta de lei de extradição aumentaram a ansiedade entre turistas e residentes.

Uma série de confrontos ocorreu entre a polícia e os manifestantes neste domingo.

Os manifestantes mudaram frequentemente de local, incluindo bairros comerciais movimentados frequentados por muitos turistas.

Os manifestantes estão exigindo a retirada completa do projeto de lei que permitiria que suspeitos de crimes fossem extraditados para a China continental para serem julgados. Eles também querem um painel independente para verificar se a resposta da polícia às manifestações foi apropriada.

No domingo, jovens manifestantes se deslocaram de um lugar para outro em pequenos grupos, e bloquearam estradas depois de realizar comícios e marchas.

Eles incendiaram a Nathan Road, uma rua popular entre os turistas da Península de Kowloon, bem como um complexo policial no distrito. Eles também dirigiram raios laser em policiais.

A polícia disparou gás lacrimogêneo, no domingo, para dispersar os manifestantes, levando a escaramuças. Eles também usaram gás lacrimogêneo em uma estação de metrô nos Novos Territórios. A estação foi temporariamente envolta em fumaça branca.

Alguns jovens manifestantes recorreram à violência. Eles adotaram táticas de estar constantemente em movimento, além de realizar comícios e marchas em locais fixos.

Suas táticas estão dificultando a previsão de onde os próximos confrontos entre policiais e manifestantes poderiam ocorrer.