Escritor australiano preso na China por espionagem

O governo australiano declara que um escritor sino-australiano foi, formalmente, preso por suspeita de espionagem, depois de ter sido detido sem acusação durante meses.

Image © (Ex-diplomata chinês e escritor, Yang Hengjun / Reprodução / via Al Jazeera) Aug/2019

Escritor australiano preso na China por espionagem

O governo australiano declara que um escritor sino-australiano foi, formalmente, preso por suspeita de espionagem, depois de ter sido detido sem acusação durante meses.

Yang Hengjun é um ex-diplomata chinês, que tem criticado o Partido Comunista Chinês.

A Austrália está pedindo à China que explique por que razão prendeu Yang.

Numa declaração, a ministra das Relações Exteriores do país, Marise Payne, declarou que Yang está detido em Pequim em condições duras, há mais de sete meses.

Ela afirma que os funcionários da embaixada o encontraram sete vezes, mas seus advogados e familiares não têm acesso.

Ela também diz que se Yang está preso por causa de suas crenças políticas, ele deve ser libertado.

A detenção de Yang ocorre em meio a relações tensas entre os dois países.

Há um ano, a Austrália baniu a empresa chinesa de telecomunicações Huawei da rede 5G do país, citando preocupações de segurança.