Diplomata norte-americano diz que não interferirá em Hong Kong

Diplomata norte-americano diz que não interferirá em Hong Kong Estados Unidos e China trocaram farpas sobre a situação de Hong Kong, que foi abalada por protestos contra um controverso projeto de extradição.Estados Unidos e China trocaram farpas sobre a situação de Hong Kong, que foi abalada por protestos contra um controverso projeto de extradição.

Image © (Manifestantes em Hong Kong / Reprodução / via CNA) Aug/2019

Diplomata norte-americano diz que não interferirá em Hong Kong

Estados Unidos e China trocaram farpas sobre a situação de Hong Kong, que foi abalada por protestos contra um controverso projeto de extradição.

O gabinete do Ministério das Relações Exteriores da China em Hong Kong acusou, nesta quinta-feira (8), os diplomatas norte-americanos de interferirem nos assuntos da cidade.

A alegação foi feita depois que a mídia chinesa publicou uma fotografia de um funcionário consular norte-americano em reunião com ativistas locais em Hong Kong.

O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Morgan Ortagus, respondeu na quinta-feira (8) a China, dizendo que divulgar informações pessoais sobre um diplomata dos EUA é “o que faz um regime criminoso”.

Ortagus observou que é tarefa dos diplomatas dos EUA se reunirem com pessoas diferentes, incluindo líderes da oposição.

Ela acusou a China de vazar as fotos do diplomata e os nomes das crianças, dizendo que “não é assim que uma nação responsável se comportaria”.

Um funcionário do Departamento de Estado dos EUA, que falou com a NHK ,não revelou detalhes sobre o suposto vazamento de informações privadas, mas classificou como um ato que poderia colocar os diplomatas e suas famílias em perigo.

As tensões entre Washington e Pequim estão crescendo sobre sua disputa comercial, bem como a situação em Hong Kong.