Aeroporto de Hong Kong reabre porém os cancelamentos continuam

O Aeroporto Internacional de Hong Kong reabriu, mas centenas de voos desta terça-feira (13), foram cancelados.

Image © (Aeroporto Internacional de Hong Kong, passageiros enfrentado atrasos e cancelamentos de voos em função dos protestos na cidade / Reprodução / via The Straits Times) Aug/2019

Aeroporto de Hong Kong reabre porém os cancelamentos continuam

O Aeroporto Internacional de Hong Kong reabriu, mas centenas de voos desta terça-feira (13), foram cancelados.

O aeroporto, um importante centro regional, suspendeu as operações na segunda-feira à tarde devido aos protesto. Como resultado, mais de 170 voos foram cancelados.

Muitos manifestantes saíram, mas dezenas permanecem no lobby de chegadas, exibindo cartazes.

A autoridade aeroportuária informa que os vôos recomeçaram antes das 7h da manhã, horário local. Mas diz que mais de 300 vôos foram cancelados devido à falta de aeronaves e outros problemas.

Cidadãos de Hong Kong estão protestando contra um projeto de lei que permitiria que suspeitos de crimes fossem enviados à China continental para julgamento. A concentração também foi realizada para protestar contra a violência policial sobre os manifestantes.

A chefe do Executivo de Hong Kong, Carrie Lam, denunciou os manifestantes por interromperem as operações do aeroporto e está pedindo o fim das manifestações violentas.

Lam falou em uma coletiva de imprensa na manhã desta terça-feira, dizendo que a sociedade de Hong Kong corre o risco de cair em uma situação perigosa se o Estado de Direito não for restaurado.

Mas os manifestantes estão pedindo manifestações adicionais no aeroporto, criticando as tentativas do governo e da polícia de sufocar suas atividades.

Estudantes e grupos pró-democracia estão planejando mais manifestações esta semana.