Sobe para 33 o número de mortos em incêndio de Kyoto

Oficiais do Corpo de Bombeiros de Kyoto confirmaram a morte de 33 pessoas, no incêndio no prédio da Kyoto Animation, outros 36 ficaram feridos.

Image © (Corpo de Bombeiros combatendo as chamas em prédio de Kyoto / Reprodução / via CBC News) Jul/2019

Sobe para 33 o número de mortos em incêndio de Kyoto

Oficiais do Corpo de Bombeiros de Kyoto confirmaram a morte de 33 pessoas, no incêndio no prédio da Kyoto Animation, outros 36 ficaram feridos.

O incêndio começou por volta das 10h30 de quinta-feira (18), no estúdio da Kyoto Animation. Os bombeiros levaram quase cinco horas para extinguir o incêndio. Autoridades dizem que cerca de 70 pessoas estavam no prédio no momento do incêndio.

A polícia diz que o suspeito, de 40 anos, foi preso.

O homem teria sido visto derramando ugasolina dentro do prédio, antes de atear fogo. Testemunhas também dizem que ele gritava “morram” em japonês.

O suspeito está sendo medicado em um hospital próximo.

As circunstâncias que levaram ao incêndio ainda não estão claras. O responsável pelo estúdio disse que recebeu, recentemente, alguns e-mails ameaçadores.

O Presidente da Kyoto Animation, Hideaki Hatta, disse: “Eles foram endereçados ao nosso escritório e ao departamento de vendas e nos disseram para “morrer “.

A Kyoto Animation está em operação desde 1981 e tem sido aclamada pela crítica em todo o mundo.

A empresa produziu vários programas populares como “K-On” e “A Melancolia de Haruhi Suzumiya”.

A série era conhecida por suas seqüências de dança no final de cada episódio. Sua popularidade aumentou quando os fãs começaram a postar vídeos de si mesmos dançando a música “Hare-Hare-Yukai”.

Um especialista diz que o estúdio teve um impacto indelével na indústria de animação do Japão.

Professor-visitante da Universidade de Meiji, Ryusuke Hikawa disse: “O nome da Kyoto Animation é uma marca forte, com suas sofisticadas técnicas de direção e produção”.

Ele acrescentou que o Kyoto Animation é conhecido como o primeiro estúdio de sucesso fora de Tóquio.