Ministro da Educação, Abraham Weintraub, é hostilizado por petistas no Pará

Em viagem de férias com sua família em Alter do Chão, no Pará, O Ministro da Educação, Abraham Weintraub, foi cercado por petistas que o hostilizavam gritando "Lula livre" empurrando-o.

Image © (Ministro da Educação Abraham Weintraub sendo hostilizado em Alter do Chão, Pará / Reprodução / via mídias sociais) Jul/2019

Ministro da Educação, Abraham Weintraub, é hostilizado por petistas no Pará

Em viagem de férias com sua família em Alter do Chão, no Pará, o Ministro da Educação, Abraham Weintraub, foi cercado por petistas que o hostilizavam gritando “Lula livre” empurrando-o.

Vídeos que circulam em redes sociais mostram que o fato aconteceu em Alter do Chão, um famoso destino turístico paraense.

Com a filha no colo, o ministro é atacado por um índio, que o acusa de fascista. Em determinado momento, os baderneiros também se recusam a passar o microfone para que Abraham pudesse se pronunciar.

Através do Twitter, o ministro informou o ocorrido e disse ter sido atacado pelos “mesmos que se dizem defender os direitos humanos”. Ele também fez menção ao episódio em que Che Guevara matou um menino de 9 anos que intercedeu pela morte do pai. “Meus filhos ficaram comigo, não correram, mas estão chorando”