Vanessa Fontana está em turnê com o Musical Paixão de Cristo pelas comunidades no Rio de Janeiro

A atriz, dubladora, produtora e escritora Vanessa Fontana, está em turnê com o Musical Paixão de Cristo, pelas comunidades no Rio de Janeiro. Além de apoiar o espetáculo com a Fontana Produções, a produtora na qual dirige, Vanessa ainda interpreta Maria Madalena, em uma montagem que aborda, como seria se Jesus vivesse nos dias de hoje.

Um recorte do espetáculo foi apresentado no Teatro Glaucio Gill zona Sul, mas o foco do espetáculo realmente é  o público que não tem a oportunidade de frequentar o teatro.

A atriz apoia um grupo de atores da comunidade chamado “Bando de Favelados da Rocinha” que tem como diretor Richard Castello Branco, a montagem, os ensaios e todo espetáculo em si, foram criados e produzidos pelos próprios atores que contaram com o apoio e participação da atriz e da Fontana Produções em todo processo.

A atriz conta que é muito emocionante contribuir com sua arte para levar cultura e entretenimento as comunidades menos favorecidas. O espetáculo já passou pela Rocinha, Comunidade Jardim Guaratiba, e  ainda tem em sua agenda a Lona Cultural SANDRA DE SÁ em Santa Cruz no feriado do Trabalhador.

Além desse trabalho com um lindo cunho social, a atriz está em um longa metragem chamado Fé Em Deus, dirigido por Alexandre Henry em que aborda a corrupção vivida no dia a dia Brasileiro, as dificuldades vividas dentro das comunidades, preconceitos e burocracias na adoção de crianças por casais homossexuais.

Para viver Cláudia, uma lésbica que luta pela adoção de crianças abandonadas mudou radicalmente seu visual. Se já não bastasse tanto trabalho a atriz ainda se dedica a pós produção do Filme Estação Rock, uma parceria da Fontana Produções com a Animal Filmes.

Iniciou sua carreira artística como Bebê Johnson e ainda menina, no estado de Belém do Pará, onde nasceu, como musicista, tocando violão na internacionalmente conhecida Orquestra de Violões do Pará, tendo como maestro um dos maiores violonista do mundo “Salomão Habib”. Vanessa foi garota propaganda da maior rede de lojas do Estado, a Y.Yamada e sua estreia na TV foi na série  “Mulher” da Rede Globo ao lado de Patrícia Pillar e Eva Wilma.

Como modelo estrelou na abertura da série Paraísos Desconhecidos do Brasil, exibido nos programas Fantástico e Globo Esporte. Atuou  em Malhação com a personagem “Nininha” ao lado de Fiuk. Participou de vários filmes no decorrer da sua carreira e foi a autora do livro “Noites Imaginárias Em Versos Versões e Prosas”.

Atuou no espetáculo Teatral “Degustando Nelson Rodrigues” como a protagonista Alaíde de Vestido de Noiva. Recebeu o Prêmio de atriz revelação – Revista Lagos e como escritora, o Prêmio “Mérito Cultural” por ter sido classificada entre os dez finalistas do III Concurso de Poesias 20 de Outubro “Regina Marques Souza Almeida”, realizado pela ALAMI e Fundação Cultural de Ituiutaba.

Da Redação by Cleo Oshiro

Artigo anteriorMíssil norte-coreano pode ser recado para os EUA
Próximo artigoKlev Soares: clipe da música Deus Que Surpreende foi gravado nos EUA
Cleo Oshiro
Sou a Cleo Oshiro, uma mineira que no ano de 2002 optou por viver no Japão com a família. Em 2010 a Revista GVK Internacional no Brasil, especializada em karaokê, me descobriu no Orkut e através da minha paixão pela música e karaokê, decidiram fazer uma matéria sobre minha vida aqui no Japão, afinal foi aqui na cidade de Kobe que ele surgiu e se espalhou pelo mundo. Com a repercussão da matéria, eles me convidaram para ser a Correspondente Internacional da revista no Japão e aceitei o desafio e não parei mais. Fui Colunista Social por 2 anos no Portal Mie/Japão, da Revista Baladas Internacional/ Suiça, na BDCiTV/EUA e na Revista Biografia/ Brasil, realizando entrevistas com várias personalidades do meio artístico. Minhas matérias são para divulgar o trabalho dos artistas, sem apelos sensacionalistas, mesmo porque meu foco é mostrar a imensidão de talentos espalhados pelo mundo sejam famosos ou não. Atualmente faço parte da equipe da Rádio Shiga, onde faço matérias artísticas e sou a idealizadora do programa musical The Best Of Brazilian Music em parceria com o Omote-san. O programa foi suspenso devido problemas interno, mas o tempo em que esteve no ar levava a música brasileira à outros países da Asia. O programa The Best Of Brazilian Music era apresentado em inglês pela DJ Shine Dory, uma filipina apaixonada pela MPB e Bossa Nova. A escolha pelo idioma foi para alcançar japoneses e estrangeiros que vivem no Japão, já que inglês é um idioma universal e os brasileiros já contavam com o acesso as informações dos artistas através das matérias publicadas por mim no site