Alcindo Sartori: Jogador brasileiro é ídolo no Japão. Alcindo Sartori (49), nasceu na cidade de Medieneira/Paraná e teve seu talento revelado quando jogou no “Flamengo” em 1986, quando passou do juniores para o profissional.

Sartori tem uma história no Rubro- Negro, onde marcou 32 gols pelo “Mais Querido”, ao lado de craques como Zico, Bebeto e Júnior. Brilhou no futebol do Japão e no Brasil integrou a equipe de outros times como o “São Paulo”, “Corinthians”, Fluminense e “Grêmio”.

Na Terra do Sol Nascente, defendeu por dois anos o “Kashima Antlers” em 1993, quando foi convidado pelo amigo Zico para ocupar a vaga do ex-auxiliar do “São Paulo”, Milton Cruz, tornando-se o artilheiro do clube e ídolo no arquipélago.

Ele viveu por três anos no Japão e recebeu o apelido de “Kappa”, uma criatura sobrenatural do folclore japonês.

Quando saia em público, as pessoas queriam tocar a sua careca dizendo que isso dava sorte e até um boneco “Kappa” foi lançado no mercado.

Em 1995 foi vendido para o “Verdy Kawasaki” e mais tarde para o time do norte “Consadole Sapporo” e em 1996 retorna ao Brasil  e veste a camisa do “Corinthians”.

Sartori fez parte do time do Rubro-Negro de 85 até 91.

Foi campeão carioca em 86, ganhou a Copa União de 87, foi convocado para a seleção brasileira de juniores pelo Jair Pereira, e logo depois a sub-23 com Renê Simões, foi eleito o melhor jogador amador do Brasil em 1987 pela CBF” e ganhou a Copa do Brasil no ano de 1990.

Em 19 de julho de 1989, o atacante Alcindo foi o autor do primeiro gol da história da Copa do Brasil, logo na partida de estreia no jogo Flamengo 2 x Paysandu (PA) 0 realizado no Estádio da Gávea.

Uma curiosidade sobre Sartori, foi ter se transformado em garoto propaganda de perucas no Japão.

Eles queriam que ele usasse a peruca o tempo inteiro, mas ele recusou quando Zico lhe disse que isso iria influenciar na sua característica que era calvo e cabelos longos.

Ele usava a peruca no cotidiano, mas em campo não, e com isso a empresa que era a segunda colocada no mercado disparou nas vendas, conquistando o primeiro lugar, tudo isso devido o grande sucesso do jogador que fazia muitos gols levando o”Kashima” para o primeiro lugar no campeonato e isso conquistou a atenção da mídia japonesa.

Em 2015, a fabricante das perucas completou 50 anos, e o convidado de honra foi o seu garoto propaganda Sartori, com direito as passagens pagas pela empresa para participar da grande festa de aniversário.

A primeira experiência de Sartori com os terremotos durante sua estadia no arquipélago, foi em 1993, quando estavam em campo treinando e tudo começou a tremer.

Os jogadores japoneses se jogaram no chão e permaneceram deitados até que o tremor terminasse, assim como a torcida que estava na arquibancada.

Os brasileiros Sartori, Zico, o ex-goleiro Abelha e Carlos Alberto Santos, ficaram de pé se olhando e só ai é que caiu a ficha e se deitaram também.

Agora que é passado ele lembra desse momento e da risada, não pelo terremoto em si, mas pela atitude deles ao serem pegos de surpresa, ficando sem ação. Mas ele afirma que quando aconteceu não tinha nada de engraçado não.

Quando retornou ao Brasil assinou contrato para jogar na “Cabofriense”, mas machucou o joelho novamente, no primeiro dia do treino, tendo passado por cirurgia, ficando afastado dos campos por quase dois anos.

Quando voltou a treinar, foi no “Zico CFZ”, jogando no time do amigo e ídolo por quase dois anos.  Mas Sartori não conseguia mais jogar, seu joelho não permitia nem 20 minutos de jogo. E foi assim um tempo, quando um dia estourava a panturrilha, no outro a virilha, a coxa, e no ano de 2000, quando completaria 33 anos encerrou sua carreira no futebol.

Sartori foi treinador do time de futebol feminino “Foz Cataratas Futebol Clube”, em Foz do Iguaçu, ficando em terceiro lugar na “Copa do Brasil em 2015 e atualmente vive na cidade de São Miguel do Iguaçu – Paraná, onde é fazendeiro de soja, e administra a propriedade que comprou com dinheiro que ganhou no futebol. Casado com a bela Lilian Gomes, ele participa de vários jogos beneficentes, enquanto administra sua fazenda, plantando e colhendo.

Seu filho Igor Sartori (24), fruto do casamento anterior, iniciou no “Flamengo”, trilhando o mesmo caminho do pai no futebol. Igor vestiu também a camisa do “Bragantino” e “Red Bull Brasil”, ao ser emprestado pelo “Flamengo”.

Radio Shiga by Cleo Oshiro Oficial Page: http://wp.radioshiga.com/programacao/

Artigo anteriorJapão: Apresentado trem super-luxo em Osaka
Próximo artigoJapão: Começa temporada de observação de redemoinhos no oeste do país
Cleo Oshiro
Sou a Cleo Oshiro, uma mineira que no ano de 2002 optou por viver no Japão com a família. Em 2010 a Revista GVK Internacional no Brasil, especializada em karaokê, me descobriu no Orkut e através da minha paixão pela música e karaokê, decidiram fazer uma matéria sobre minha vida aqui no Japão, afinal foi aqui na cidade de Kobe que ele surgiu e se espalhou pelo mundo. Com a repercussão da matéria, eles me convidaram para ser a Correspondente Internacional da revista no Japão e aceitei o desafio e não parei mais. Fui Colunista Social por 2 anos no Portal Mie/Japão, da Revista Baladas Internacional/ Suiça, na BDCiTV/EUA e na Revista Biografia/ Brasil, realizando entrevistas com várias personalidades do meio artístico. Minhas matérias são para divulgar o trabalho dos artistas, sem apelos sensacionalistas, mesmo porque meu foco é mostrar a imensidão de talentos espalhados pelo mundo sejam famosos ou não. Atualmente faço parte da equipe da Rádio Shiga, onde faço matérias artísticas e sou a idealizadora do programa musical The Best Of Brazilian Music em parceria com o Omote-san. O programa foi suspenso devido problemas interno, mas o tempo em que esteve no ar levava a música brasileira à outros países da Asia. O programa The Best Of Brazilian Music era apresentado em inglês pela DJ Shine Dory, uma filipina apaixonada pela MPB e Bossa Nova. A escolha pelo idioma foi para alcançar japoneses e estrangeiros que vivem no Japão, já que inglês é um idioma universal e os brasileiros já contavam com o acesso as informações dos artistas através das matérias publicadas por mim no site